Menu
Busca terça, 20 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
ACIDENTE

Uma das vítimas de acidente que matou dois na Capital recebe alta

30 maio 2015 - 18h59

O rapaz de 21 anos, que foi levado para a Santa Casa de Campo Grande, após se envolver em um acidente no centro da Capital, que matou outros dois jovens e deixou um adolescente de 16 anos, em estado grave, recebeu alta hospitalar, após passar por avaliação médica.

O acidente ocorreu na madrugada deste sábado, dia 30 de maio, no cruzamento entre as avenidas Afonso Pena e Ernesto Geisel. Segundo o site Midiamax, o estudante Rodrigo Leite da Silva, de 13 anos, e o lavador de carros, José Felipe dos Santos Fernandes, de 21, não resistiram ao impacto da colisão e morreram no local.

De acordo com o BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito), as vítimas estavam em um veículo GM/Celta, de cor branca, com placas HSC-5253, de Campo Grande, que colidiu em uma caminhonete Toyota/Hilux, de cor prata, com placas de Maracaju.

Segundo as informações, o Celta seguia em alta velocidade pela Avenida Afonso Pena, sentido bairro/centro, quando colidiu com a Hilux que estava na Ernesto Geisel no sentido sul/norte. Com o impacto, o Celta rodou na avenida e parou no sentido contrário da pista.

O motorista da caminhonete, um comerciante de 47 anos de Maracaju, não sofreu ferimento.

Os sobreviventes que estavam no Celta foram socorridos por equipes do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). O adolescente, de 16 anos, permanece internado na ala vermelha do Pronto Socorro da Santa Casa.

###Suspeitas
A polícia investiga o motivo do acidente. Informações preliminares dão conta de que os ocupantes do Corsa estavam sendo perseguidos, sendo que um deles já estava ferido por conta de um tiro. Os jovens haviam saído da casa noturna ‘Empório Santo Antônio’, localizada no Bairro Santo Antônio, região oeste de Campo Grande, que já foi alvo de reclamações por conta do barulho, algazarra e furtos na localidade.

Neste primeiro semestre, houve um show que chegou a ser cancelado no local, por conta do linguajar utilizado pelo cantor, que é adolescente. A medida foi tomada por conta de uma intervenção do MPE (Ministério Público Estadual).



Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Ana Morais, caçula de Glória Pires aproveita o feriado na piscina
POLÍTICA
Senado aprova aumento de multa para quem desistir de imóvel na planta
DESCAMINHO
PRF prende dupla transportando 6,4 mil maços de cigarros na BR-163
OAB MS
Mansour Karmouche é reeleito para comando da OAB/MS
FUTEBOL
Santos deve manter Dodô e pode perder Vanderlei para o Flamengo
ELEIÇÕES
Alexandre Mantovani é eleito presidente da OAB em Dourados
IVINHEMA
Mulher morre após sofrer queda de motocicleta em estrada vicinal
POLÍTICA
Governadores do Nordeste fecham agenda única para levar a Bolsonaro
DOURADOS
UEMS realiza simpósio e comemora 10 anos de Educação a Distância
PESQUISA
Relatório inédito prova que ondas de celulares causam câncer em ratos

Mais Lidas

DOURADOS
Antes de ser assassinado, homem passou por ‘tribunal do crime’
BORORÓ
Adolescente morre ao tocar em cerca elétrica em Dourados
DOIS MESES DEPOIS
Acusados de matar rapaz em Dourados serão apresentados hoje
MARCELO PILOTO
Traficante brasileiro é expulso do Paraguai após matar mulher em cela