Menu
Busca terça, 10 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

UEMS e WWF-Brasil firmam acordo para Centro de Estudos de Fronteira

20 novembro 2019 - 22h05Por Da Redação

A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) por meio do Centro de Estudos de Fronteira, informa que essa semana firmou um acordo de cooperação com a WWF-Brasil, uma organização da sociedade civil brasileira, apartidária e sem fins lucrativos que trabalha em defesa da vida. Estiveram presentes na reunião o analista do WWF-Brasil, Thaishi Leonardo, o professor Mateus Boldrine Abrita e o professor Edwaldo Henrique Bazana Barbosa.

A cooperação entre a UEMS e o WWF-Brasil permitirá o desenvolvimento de projetos de interesse social. Nesse sentido, o acordo vai permitir equipar laboratórios da UEMS, bolsas para acadêmicos, estágios e demais recursos para o bom desenvolvimento de projetos. 

Em nome do reitor professor Laércio de Carvalho, o professor Mateus, que também é assessor de relações interinstitucionais da UEMS, orienta que os cursos, pesquisadores e acadêmicos de toda a UEMS que estejam interessados em desenvolver projetos em parceria com o WWF-Brasil procurem contato com o Cefront para mais informações (www.uems.br/cefront).

O WWF-Brasil foi criada em 1996, atua em todo Brasil e integra a Rede WWF (Fundo Mundial para a Natureza), presente em mais de 100 países. A organização trabalha em defesa pela vida para mudar principalmente a trajetória de degradação socioambiental.

Breve apresentação:

Thaishi Leonardo, analista de conservação de projetos no WWF-Brasil, que esteve na reunião no Cefront/UEMS é responsável por projetos de planejamento territorial e gestão de recursos hídricos, com foco na Bacia do Alto Paraguai, no Brasil, Bolívia e Paraguai.

Uma das iniciativas lideradas por Thaishi é enfocada na conectividade socioambiental para os biomas Cerrado e Pantanal. Suas áreas de trabalho incluem o desenvolvimento de parcerias estratégicas com governos, universidades, agências de desenvolvimento e ONGs para avançar em uma gestão sustentável da paisagem.

Antes de se juntar ao WWF, Thaishi trabalhou para a Agencia Estadual de Recursos Hídricos do Estado do Espírito Santo, na elaboração de projetos e supervisionando a implementação de instrumentos de gestão de recursos hídricos em todo o território capixaba. Como consultora na empresa Fibria Celulose durante 8 anos, elaborou e implementou projetos de gestão e regularização fundiária, sistemas de informações geográficas, liderou agendas de relações com as comunidades e povos tradicionais, implementou e supervisionou a realização do cadastro rural ambiental nos Estados da Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e São Paulo. Thaishi é Bacharela em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARANAÍBA
Homem é preso tentando furtar caixa de cerveja de conveniência
ECONOMIA
Governo revisa economia com reforma da Previdência para R$ 855 bi
TRÊS LAGOAS
Trabalhador morre em turbina de hidrelétrica em MS e polícia investiga
PESQUISA
Oito em cada dez pessoas já leram notícias falsas em redes sociais
RIBAS DO RIO PARDO
Furtou caixa de som da prefeitura e foi preso por série de furtos
POLÍTICA
Comissão aprova projeto de Nelsinho Trad, que prevê ginástica laboral
PARANAÍBA
Homem é preso por furtar saco de cimento de Centro de Educação Infantil
RECEITA FEDERAL
Cerca de 700 mil contribuintes caíram na malha fina em 2019
SAÚDE
Enfermeira é flagrada dormindo em UPA e secretaria diz que era intervalo
PARCERIA
BB prorroga condições da Semana de Negociação até O fional do ano

Mais Lidas

FRONTEIRA
Três são indiciados pelo homicídio de adolescente esquartejado
RENÚNCIA FISCAL
Benefício fiscal para cerveja custou R$ 2,8 bilhões em quatro anos
SOLIDARIEDADE
Família de Gugu Liberato planeja campanha de doação de órgãos
POLÍTICA
Podemos decide expulsar o deputados Marco Feliciano do partido