Menu
Busca quarta, 19 de junho de 2019
(67) 9860-3221
REFORMA

Sindicalistas de MS vão discutir os impactos da reforma trabalhista

02 outubro 2017 - 19h35Por Redação

Com o apoio do Ministério Público do Trabalho (MPT) o movimento sindical de Mato Grosso do Sul encabeçado pelo Comitê Estadual Contra as Reformas (Previdenciária e trabalhista) está se preparando para amenizar os impactos da medida trabalhista que entra em vigor dia 11 de novembro em todo o País.

Sindicatos, federações e centrais sindicais, que integram o Comitê Estadual vão realizar o “I Seminário – Os impactos da Reforma Trabalhista nas Relações do Trabalho”, dia 20 de outubro. Sindicalistas de todo Estado estão sendo convidados para participar desse evento que tratará de “estratégias” para manter os direitos dos trabalhadores.

Em recente reunião de sindicalistas que integram o Comitê, na sede do Ministério Público do Trabalho, o procurador Paulo Douglas Almeida de Moraes ressaltou a importância da união sindical em torno dessa questão.

Sugeriu inclusive que as entidades deixem de lado divergências políticas e se concentrem na somatória de forças para lutar em benefício dos trabalhadores a partir da entrada em vigor da reforma.

O “I Seminário - Os Impactos da Reforma Trabalhista nas Relações do Trabalho' será realizado dia 20 de outubro, das 08h às 17h, no auditório do Sinpol/MS (Sindicato dos Policiais Civis de MS), localizado na rua Teodoro Carvalho, 225 - José Abraão, Campo Grande.

Será entregue certificado no fim do evento. A taxa de inscrição é de R$ 50 por pessoa. Esse valor da taxa é para custear gastos de materiais e alimentação dos participantes. Informações 67 99160-3105 com Andréia.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Polícia fecha 'boca' e prende três por tráfico no Jardim Pantanal
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, após decisão do Fed
EM UMA SEMANA
MS registra mais de mil novos casos de dengue e Dourados tem nova morte confirmada
BOA AÇÃO
Grupo ABV faz mais entregas de agasalhos em Dourados
OPORTUNIDADE
Exército abre inscrições para temporários em MS, MT e GO
FRONTEIRA
Homem é executado por pistoleiros em oficina mecânica
BRASIL
Moro espera que reportagens de site não afetem projeto anticrime
DICAS
Três serviços essenciais para viajantes
AQUIDAUANA
Mãe escuta grito e flagra idoso estuprando filha de 7 anos
SEM DOR DE CABEÇA
Piso sobre piso: 4 formas de trocar sem quebra-quebra

Mais Lidas

DOURADOS
Perseguição na Coronel Ponciano termina com homem preso e apreensão de mais de 700kg de maconha
PARAGUAI
Homem escapa de sequestro, mas acaba executado por pistoleiros em posto
FATALIDADE
Corpo de douradense é encontrado no rio Aquidauana
RESERVA INDÍGENA
Dois são presos suspeitos pelas mortes de tio e sobrinho em Dourados