Menu
Busca domingo, 25 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
ECONOMIA

Secretaria de Fazenda discute cronograma de trabalho para implantar Programa Nota Fiscal Pantaneira

17 maio 2019 - 16h05Por Da Redação

A implantação do Programa Nota Fiscal Pantaneira foi discutida nesta sexta-feira (17.5) durante reunião entre o secretário de Estado de Fazenda, Felipe Mattos, o chefe da Unidade de Educação Fiscal da Sefaz, Amarildo Cruz e demais integrantes da secretaria como forma de nortear os trabalhos que serão desenvolvidos, para implantar o programa no Estado.

De acordo com o secretário Felipe Mattos, a intenção foi pontuar detalhes para formatar o cronograma de ações a serem realizadas pela equipe técnica da Secretaria de Fazenda (Sefaz). “A ideia é a gente dar o primeiro passo. Criar um cadastro básico e atrair isso por meio de sorteio e prêmios em dinheiro. Tem outros estados que trabalham com crédito, em que a quantidade de CPF gera um crédito que pode ser abatido no IPVA, eu acho que isso pode ser feito num segundo momento”, disse.

Durante a reunião, estados como São Paulo e Paraná foram citados como exemplos. Para os paranaenses, o programa de arrecadação tributária, conhecido como Nota Paraná, devolve aos participantes ao menos 30% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias de Serviços recolhido pelos varejistas ou, ainda, por meio de doação de cupom que é revertido em porcentagem para entidades filantrópicas.  Em São Paulo a cada compra registrada o consumidor recebe de volta parte do imposto embutido nas mercadorias. O valor também poder ser abatido no Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Conforme Amarildo Cruz, o programa que incentiva a emissão da nota fiscal estimula a cidadania e combate a sonegação. “O programa vai ser implantado porque nós estamos unindo forças para isso. Esta é a reunião mais ampla que nós estamos fazendo porque traz todos os setores da Sefaz que estão envolvidos diretamente na implantação do programa para fazermos um cronograma do que efetivamente cabe a cada um dos setores. A gente já colheu muitos subsídios de como o programa está funcionando em outros estados”, ressaltou, lembrando que dos estados da federação, apenas dois ainda não implantaram o programa: Mato Grosso do Sul e Pernambuco.

De acordo com a proposta do governo do Estado, a Nota Fiscal Pantaneira visa fomentar a cidadania fiscal, estimular os adquirentes de mercadorias, bens e serviços a exigir do fornecedor a entrega de documento fiscal hábil, além de aumentar a arrecadação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORUMBÁ
Bombeiros combatem incêndio próximo a pousadas no Pantanal
ESPORTES
Brasil fecha individual do tênis de mesa com 19 medalhas; 5 ouros
SAÚDE
Uso de celular com cabeça inclinada pode causar lesão na cervical
CAPITAL
Homem deixa caminhonete na frente de casa e pela manhã descobre furto
LAGUNA CARAPÃ
Homem é preso e comparsas fogem após transportar fardos de maconha em motos por 130 km
AJUDA INTERNACIONAL
Repasses alemães para projetos ambientais equivalem em 1 ano a 4 vezes o orçamento do Ibama
TRÂNSITO
Idosa capota veículo em acidente na Capital
CAMPO GRANDE
Homem furta caminhão carregado de grama em viveiro de mudas
RIO BRILHANTE
Família encontra mulher morta após vítima passar mal durante a noite
FUTEBOL
Brasileirão promete fortes emoções neste domingo; confira os jogos

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tem dedo amputado após empilhadeira a atingir enquanto fazia compras
DOURADOS
Após “falsa corrida”, motorista de aplicativo tem carro levado por bandido que se envolve em acidente e é preso
HOSPITAL DA VIDA
Órgãos de jovem que morreu em acidente são captados e levados para quatro cidades
POLÍCIA
Mulheres são presas por tráfico em Dourados