Menu
Busca terça, 11 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221
JURI

Primeiro caso de Feminicídio registrado em MS será julgado amanhã

17 setembro 2017 - 15h31

Nesta segunda-feira, dia 18 de setembro, será levado à Sessão Plenária do Júri em Ribas do Rio Pardo o pedreiro Alex Armindo Anacleto de Souza acusado de ter assassinado a ex-mulher Ísis Caroline da Silva Santos, 21 anos. Este foi o primeiro caso de Feminicídio registrado em Mato Grosso do Sul.

A acusação será feita pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, por meio do Promotor de Justiça George Zarour Cezar.

De acordo com as provas colhidas durante as investigações e a instrução processual, o acusado, que mantinha um relacionamento clandestino e conturbado com a vítima, uma vez que já havia inclusive respondido pelo crime de estupro contra a mesma, convidou-a para mais uma aventura e tomou a BR-262 sob a alegação de que passariam o final de semana na cidade de Água Clara (MS).

No caminho, Alex Armindo Anacleto de Souza e Ísis Caroline da Silva Santos iniciaram uma discussão motivada pelo inconformismo dele diante do novo relacionamento mantido pela vítima. Diante disso, mudou o destino da viagem e acessou uma estrada vicinal no Município de Ribas do Rio Pardo, local onde asfixiou a vítima por enforcamento até provocar-lhe o óbito.

Com o delito consumado, o acusado arrastou o cadáver para o córrego e o soltou para que fosse levado pela correnteza e o crime praticado não fosse desvendado.

O acusado foi denunciado por homicídio qualificado, com a incidência de quatro qualificadoras: motivo torpe, asfixia, dissimulação e feminicídio, além do crime de ocultação de cadáver previsto no art. 211 do Código Penal.

A sentença de pronúncia julgou admissível a acusação para o fim de submeter a julgamento o acusado nos termos que fora denunciado.

O recurso em sentido estrito interposto pela defesa foi improvido, razão pela qual o acusado será levado a júri popular nos termos da pronúncia.Faça sua matéria aqui

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Yasmin Brunet renova o bronzeado em dia de praia de Ipanema
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Servidores públicos flagram abuso de criança e detêm estuprador
CAPITAL
Bíblias são encontradas intactas depois de incêndio que destruiu hotel
PLANO DE MANEJO
Futuro ministro do Meio Ambiente responde por ação de improbidade
NOVA ANDRADINA
Mãe de menino com doença degenerativa pede ajuda para bazar solidário
UFMS
Abertas 74 vagas para professores substitutos com salário de até R$ 6 mil
FUTEBOL
Marta é a primeira mulher a eternizar os pés na calçada do Maracanã
OPERAÇÃO JOÃO DE BARRO
Proposta da UFGD é aprovada para o Projeto Rondon 2019
RURAL
Governo defende agricultura e turismo sustentável em Bonito e região
CAMPO GRANDE
TRE/MS mantém mandato de vereadora, acusada de infidelidade partária

Mais Lidas

DOURADOS
Criança morre no HV três dias após ser atropelada na Cachoeirinha
PREGÃO
Vereadora presa desde outubro tenta retomar cargo na Câmara de Dourados
CHAPADÃO DO SUL
Avião agrícola cai e mata piloto em cidade de MS
DOURADOS
Criança morta após acidente de trânsito teve órgãos levados para SP e Campo Grande