Menu
Busca domingo, 24 de março de 2019
(67) 9860-3221
REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Previdência: Azambuja diz que é preciso cortar privilégios do setor público

07 setembro 2017 - 09h45

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou na quarta-feira (6) durante entrevista à Rádio Capital, de Campo Grande, que é necessário cortar alguns privilégios do setor público. A fala se deu após questionamentos sobre a Reforma da Previdência proposta pelo governo federal e que tramita no Congresso.

Na opinião do chefe do Executivo sul-mato-grossense, a sociedade brasileira tem pagado os custos de poucos.

"Nós não queremos uma reforma para tirar direito de ninguém, mas é preciso cortar privilégios, mas não para aquele aposentado do INSS, e sim para o funcionalismo público, para os poderes constituídos. Temos um grupo de privilegiados e a sociedade brasileira paga esse custo", disse o governador.

Ainda segundo Azambuja, dados do Orçamento Geral da União mostra que, 56% do que é arrecadado no país é usado para cobrir o teto da previdência. "É um valor que é destinado aos privilegiados e não aos aposentados. Será que a sociedade brasileira vai aguentar pagar isso?", questionou.

O governador citou que mesmo sendo um Estado "jovem", Mato Grosso do Sul tem um alto déficit previdenciário.

"Mato Grosso do Sul é um estado jovem, tem 40 anos e o déficit da previdência esse ano, entre o que a gente paga e arrecada, dá uma diferença de R$ 1,250 bilhão, e esse é o dinheiro do tesouro, da sociedade sul-mato-grossense. Esse dinheiro deveria ser investido", resumiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUUU!!
Anitta surge de tapa-sexo para divulgar novo álbum visual
LEGISLATIVO
Agenda: Capacitação, encontro de vereadoras e audiência pública movimentam semana
RESSOCIALIZAÇÃO
Com foco na psicologia, projeto prepara detentos para a liberdade
DIREITOS HUMANOS
Comissão debaterá Reforma da Previdência terça-feira no Senado
CONTRABANDO
Carro lotado de 'muamba' é apreendido na MS-276
NOVA JORNADA
Confira os detalhes do Decreto que retoma a jornada de 8h e o projeto que cria o PDV no Estado
VIOLÊNCIA
Vereador é morto a tiros no Rio de Janeiro
DOURADOS
"Santista" e Maiara Brum vencem a Corrida Ginaslouquinhos
BRASIL
Bolsonaro diz que fim de visto para turistas beneficiará economia
ANASTÁCIO
Homem ameaça mulher com faca em discussão sobre troca de canal

Mais Lidas

IVINHEMA
Médico veterinário morre em acidente de moto na MS-276
TRÂNSITO
Homem morre após ser atropelado por motorista que fugiu do local do acidente
TRÊS LAGOAS
Mulher que entrou em briga de casal e matou homem diz que foi acidente
RIO BRILHANTE
Homem é assassinado após matar e comer galo do vizinho