Menu
Busca terça, 19 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
REGIÃO

PMA prende caçador com animal abatido, apreende arma e munições e motosserras

29 maio 2015 - 13h00

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Miranda realizou uma fiscalização na noite de ontem (28) na região do Carandazal, e abordaram um veículo que havia apagado as luzes, ao avistar a viatura. No veículo estava um capataz de fazenda, de 51 anos, que portava um revólver calibre 38 com cinco munições intactas, tudo sem documentação.

O infrator informou que residia em uma fazenda localizada a 150 Km de Miranda, na região do Nabileque, e que era funcionário de outra fazenda localizada nas proximidades. Ele recebeu voz de prisão por porte ilegal de arma e a equipe deslocou-se até a referida propriedade rural, situada no município de Corumbá para procurar mais armas.

Quando chegava à fazenda, a PMA percebeu que o gerente, de 51 anos, ao avistar a viatura, desligou as luzes externas da casa. A PMA verificou que a intenção era esconder um animal silvestre da espécie tatu-galinha abatido, que estava no quintal da residência. O gerente confessou que há pouco teria matado o tatu a pauladas.

Um caçador, residente em Aquidauana também recebeu voz de prisão e ambos os funcionários, um por porte ilegal de arma de fogo e o outro por matar animal silvestre, este último, multado administrativamente em R$500,00 pelo abate do animal foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Miranda, para responder pelos crimes.

Mais cedo, a mesma equipe havia apreendido na estrada da fundação Bradesco, em Miranda, dois motosserras que eram transportados sem documentação ambiental. As máquinas estavam com um funcionário de uma fazenda, de 50 anos, residente em Anastácio. Ele recebeu multa administrativa de R$ 2.000,00. O transporte de motosserra sem licença não é crime. Somente o uso é punido penalmente.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COXIM
Idosa de 80 anos é agredida a pauladas por jovem que invadiu casa
ESPORTE
Funed conclui elaboração de calendário anual de atividades esportivas
APOSENTADORIA
Bolsonaro fará pronunciamento na TV para defender reforma da Previdência
PROJETO
UFGD seleciona shows musicais para o projeto Celebração 2019
CAMPO GRANDE
Júri é suspenso após advogada chorar e ameaçar suicídio
NOVA ANDRADINA
Adolescente que sufocou a filha de 28 dias fará tratamento psiquiátrico
RIO
Justiça nega indenização a Bolsonaro por declarações de Jean Wyllys
UEMS
Estão abertas as inscrições para Intercâmbio Sanduíche no Canadá
CAPITAL
Dupla em moto atira contra carro de autoescola; motorista é atingido
POLÍTICA
Câmara suspende decreto presidencial sobre sigilo de dados públicos

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Motociclista atropela, mata criança de 1 ano em Dourados e foge do local
DOURADOS
Motorista tenta desviar de outro veículo e bate carro em árvore
NOVA ANDRADINA
Mãe de 16 anos mata filha de apenas 21 dias
DOURADOS
Um ano após pedido de demissão, ex-secretário de Délia retorna à prefeitura