Menu
Busca sexta, 23 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
CRIME AMBIENTAL

Pescadores são presos e multados com peixes e 700 metros de rede

25 abril 2019 - 11h13Por Da Redação

Policiais militares ambientais de Três Lagoas receberam denúncias ontem (24) à tarde, de que dois homens, em um veículo Ford Courier teriam acabado de carregar em o veículo e um barco, num semi-reboque, em uma região denominada cascalheira, localizada nas proximidades da barragem da usina de Jupiá, um motor de popa, redes de pesca e grande quantidade de pescado que tinham capturado no rio Paraná, com os petrechos ilegais.

Os policiais fizeram buscas ao veículo e o localizaram na área industrial, ainda próximo ao local de que teriam saído. Na abordagem, os dois ocupantes do veículo identificaram-se como pescadores amadores e disseram que tinham realmente acabado de sair de uma pescaria no rio Paraná e Sucuriú.

No veículo e no barco ainda molhado, foram encontradas 10 redes de pesca emendadas, medindo 700 metros e que estavam molhadas, além de 64 kg de pescado, que os infratores confessaram ter capturado com os petrechos proibidos e um carretilha com vara.

O pescado ilegal, o veículo, o barco, um motor de popa, a carretilha e as redes foram apreendidos. Os infratores, de 38 e 49 anos, residentes em Três Lagoas, receberam voz de prisão e foram conduzidos, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil da cidade, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca e transporte de produto da pesca predatória.

A pena é de um a três anos de detenção.

Os pescadores também foram autuados administrativamente e multados em um total de R$ 2.920,00. O pescado será doado para instituições filantrópicas depois de periciado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Prefeita diz abominar discriminação e aciona Procuradoria para investigar conduta de guarda
FAMOSOS
Ator responderá na Justiça por desacato e briga em bar
FUTEBOL
Árbitra de MS atua em duelo da Série A do Brasileirão neste final de semana
CAGED
País gera 43,8 mil empregos formais em julho
DOURADOS
Délia revoga nomeação de coordenadora da intervenção na Funsaud
DOURADOS
VÍDEO: Guarda agride rapaz em abordagem na UPA e corregedoria abre inquérito para apuração
VALE QUANTO?
Peritos imobiliários avaliam Douradão para venda ou aluguel a pedido da prefeitura
REUNIÃO
Procon cobra maior agilidade de atendimento em agências bancárias
PONTA PORÃ
Condenado por homicídio é preso na fronteira
OPERAÇÃO COLLIMATUS
Ação contra facção criminosa cumpriu 28 mandados de prisão em MS

Mais Lidas

TRÂNSITO
Empresa desliga mais de 30 lombadas eletrônicas em Dourados após rescisão contratual
DOURADOS
Veículo é consumido pelas chamas no Água Boa; veja vídeo
CRIME ORGANIZADO
Operação contra o PCC cumpre 30 mandados de prisão em cidades de MS
DOURADOS
Coordenador diz que Samu tentou reanimar acidentado por uma hora em HV sem médico