Menu
Busca terça, 16 de outubro de 2018
(67) 9860-3221
CRIME AMBIENTAL

Pescador é multado e polícia apreende mais de 100kg de pescado

01 novembro 2017 - 19h35Por Da Redação

Policiais Militares Ambientais de Corumbá realizaram vistoria em 73 kg de pescado apresentado por um pescador profissional, o qual indicou seu endereço, onde haveria mais pescado para ser vistoriado, como declaração de estoque antecipada, devido a proximidade do período de defeso (piracema).

Ao chegarem no local ontem (30) estava a esposa do pescador, que também se identificou como pescadora profissional.

Quando a PMA foi realizar a vistoria no pescado indicado, que estava em um frízer na residência localizada no centro da cidade, foram encontrados 134 kg de pescado, que apresentavam características (marcas de malha) de serem capturados por petrechos proibidos do tipo rede.

Além disso, também vários exemplares apresentavam-se abaixo da medida permitida pela legislação.

O pescado foi apreendido e o pescador profissional proprietário dos peixes, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 3.350,00. Os peixes serão doados para instituições filantrópicas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SOLIDARIEDADE
Amambai se une na busca por idoso de 86 anos desaparecido
PROSEGUR
Oito brasileiros são condenados por mega-assalto no Paraguai
TRÁFICO
Jovens são flagrados com droga que seria entregue no Guarujá
ELEIÇÕES 2018
Denúncias de fraude em urnas serão registradas on-line
FUTEBOL
STJD nega recurso e Sassá está fora da final da Copa do Brasil
SHOWBIZ
Processado, Eduardo Costa rebate a ex e diz que ela quer se expor
UFGD
Abertas inscrições para 420 vagas em cursos de mestrado e doutorado
DECRETO DOS PORTOS
PF indicia Temer por corrupção, lavagem e organização criminosa
JUSTIÇA
Aérea é condenada a indenizar passageiros por malas danificadas
ELEIÇÕES 2018
Reinaldo vai ao TRE, que propõe campanha sobre erros na urna

Mais Lidas

DOURADOS
Família busca notícias de mulher que abandonou carro e embarcou na rodoviária
JARDIM MONTE LÍBANO
Policiais douradenses são presos por assalto a família
DOIS DIAS DEPOIS
Servidora pública é encontrada nos fundos de residência que estava para alugar
DOURADOS
Cinco anos após crime, acusados pela morte de vendedor douradense vão a júri popular