Menu
Busca quarta, 03 de junho de 2020
(67) 99659-5905
ASSEMBLEIA

Parlamentares devem votar projeto que pretende apresentar PEC à Câmara dos Deputados

12 junho 2019 - 08h37Por Da Redação

Os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALMS) devem apreciar cinco matérias durante a Ordem do Dia desta quarta-feira (12), todas em primeira discussão. Consta na pauta a votação do Projeto de Resolução 9/2019, da atual Mesa Diretora da Casa de Leis, que pretende aprovar a apresentação de Proposta de Emenda à Constituição Federal (PEC) à Câmara dos Deputados.

O objetivo é alterar os artigos 22 e 24 da Carta Magna tornando as competências legislativas privativas da União em concorrentes com os Estados e o Distrito Federal. A proposta tem parecer favorável por unanimidade da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da ALMS.

O Projeto de Lei 20/2019, do deputado João Henrique (PL), institui o Cadastro Estadual de Pessoas com Deficiência (Cadastro-Inclusão) - registro público eletrônico. A finalidade é coletar, processar, sistematizar e disseminar informações georreferenciadas que permitam a identificação e a caracterização socioeconômica da pessoa com deficiência, além das barreiras que impedem a realização de seus direitos. A matéria tem parecer contrário por maioria da CCJR.

Já Projeto de Lei 64/2019, do deputado Neno Razuk (PTB), dispõe sobre a obrigatoriedade da aplicação do questionário M-CHAT nas unidades de saúde do Estado de Mato Grosso do Sul e dá outras providências. O questionário visa auxiliar na identificação de indícios do chamado TEA (Transtorno do Espectro Autista) em crianças com idades entre 18 e 24 meses. A Comissão de Constituição, Justiça e Redação foi favorável, por unanimidade, à tramitação do projeto e à emenda apresentada.

De autoria do deputado Renato Câmara (MDB), o Projeto de Lei 110/2019 altera a Lei 1.414 de 13 de setembro de 1993, que institui a Semana de Incentivo a Doação de Órgãos Humanos para Transplantes. A iniciativa tem parecer favorável por unanimidade da CCJR.

O Projeto de Resolução 1/2019, do deputado Zé Teixeira (DEM), acrescenta os artigos 79-A, 79-B, 79-C e 79-D ao anexo do Regimento Interno da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (Resolução 65, de 17 de dezembro de 2008). Os artigos propostos tratam sobre a ocupação de gabinetes, prevendo prioridades, entre as quais estão as que estabelecem os estatutos da Pessoa com Deficiência (Lei 13.146/2015) e do Idoso (Lei 10.741/2003). O projeto obteve parecer favorável por unanimidade da CCJR.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO
Quarta-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
TRÁFICO
PRF apreende 1,2 tonelada de maconha e 20 Kg de skunk na BR-267
SENADO
Aprovado congelamento de preços de medicamentos e de planos de saúde
COSTA RICA
Filho acusado de agredir pai de 91 anos é preso descumprindo medida judicial
ÁUDIO VAZADO
Presidente da Fundação Palmares chama movimento negro de 'escória'
CAPITAL
Condenado por estupro de vulnerável, homem é preso em encontro religioso
POLÍTICA
Senado aprova em definitivo projeto de doação de refeições não vendida
PORTO MURTINHO
Técnico de laboratório suspeito de aborto consegue habeas corpus
JUSTIÇA
Banco deve indenizar por inserir gravame a terceiros sem consentimento
MARACAJU
Mulheres denunciam tarado que se tocava em terminal rodoviário

Mais Lidas

6ª VARA CÍVEL
Empresário vai à Justiça contra toque de recolher em Dourados
PANDEMIA
Com mais 27 casos, Dourados ultrapassa 300 confirmações de coronavírus
PANDEMIA
Novo epicentro, Dourados é a cidade com mais casos de coronavírus em MS
PED
Policiais penais frustram tentativa de fuga na Penitenciária de Dourados