Menu
Busca sexta, 07 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
Festival

Orquestra paraguaia é atração do Fasp 2019 com instrumentos de materiais recicláveis

20 outubro 2019 - 11h30Por Redação

Como o lixo pode se transformar em música e esta música transformar a realidade social de uma comunidade? A resposta o público vai poder conferir durante o Festival América do Sul Pantanal 2019. A Orquestra de Instrumentos Reciclados de Cateura, no Paraguai, vai se apresentar na abertura oficial, no dia 14 de novembro, às 21 horas, na Praça Generoso Ponce, em Corumbá.

A Orquestra de Instrumentos Reciclados de Cateura é a primeira orquestra do mundo a usar instrumentos feitos a partir de produtos reciclados do lixo. A orquestra surgiu a partir de uma oficina de educação musical direcionada para crianças e adolescentes da comunidade de mesmo nome, formada a partir do lixão no subúrbio de Assunção, no Paraguai.

A dificuldade foi conseguir instrumentos para todos os participantes, problema que o professor de música, Flávio Chavez, e o diretor da orquestra, Luis Szaran, solucionaram com a ajuda de um morador da favela, Nicolas Gomez. O artesão Nicolas começou a fabricar os instrumentos com objetos retirados do aterro sanitário de onde os pais das crianças tiram o sustento como catadores de lixo.

O repertório principal é a música clássica, mas a orquestra também interpreta sucessos do pop, do rock’n’roll e canções regionais da guarânia e polca paraguaia. O grupo já se apresentou em vários países do mundo, inclusive no Brasil, em 2012, na Rio +20.

Em 2010, foi feito um documentário sobre a orquestra, do diretor estadunidense Graham Townsley, que o dirigiu com Brad Algood e Juliana Peñaranda-Loftus. O filme estreou em 18 de março de 2015, nos Estados Unidos, e atualmente está sendo exibido na TV por cabo, no Brasil.

Toda esta beleza, a poesia da transformação da realidade de uma comunidade onde a taxa de criminalidade era alta e a pobreza e falta de oportunidades imperavam, vai poder ser vista, ouvida e sentida durante o Festival América do Sul Pantanal 2019. A música que vem do lixo, que transforma e atribui significado à vida vai ser apresentada no dia 14 de novembro, às 21 horas, na Praça Generoso Ponce, em Corumbá. Venha para o Festival conferir estas e outras atrações. Tudo de graça!

*Com informações do Portal do Governo de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE PÚBLICA
SES inaugura hospital de campanha e ativa mais 10 leitos de UTI-Covid no Regional de Ponta Porã
DOURADOS
Empresa vence licitação para revitalizar margens de córrego por R$ 264 mil
BRASIL
População desocupada sobe para 12,4 milhões em julho, diz IBGE
LEGISLATIVO
Câmara de Dourados apresenta balanço do 1º semestre de 2020
24H
Perto de 30 mil casos de coronavírus, MS tem quase uma morte por hora
CAMPO GRANDE
Acidente entre caminhonete e moto deixa duas pessoas mortas
MEIO AMBIENTE
Onça de 70kg é atropelada e morre em rodovia de MS
PANDEMIA
Dourados ultrapassa 4 mil pessoas recuperadas do coronavírus
DOURADOS
Eleição municipal terá 164 mil votos em disputa, 53% de mulheres
COMBATE AO AEDES
“Sábado sem Mosquito” acontece no Estrela Verá

Mais Lidas

PANDEMIA
Dourados registra mais três óbitos por coronavírus; um deles é de outro município
DOURADOS
Guardas capturam foragido da justiça próximo a residenciais de luxo
INVESTIGAÇÕES
Polícia desarticula quadrilha responsável por furtos e tentativa de homicídio em Dourados
TRÁFICO DE DROGAS
Polícia prende dupla que contratou guincho para carregar veículo com drogas