Menu
Busca sexta, 24 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
CORUMBÁ/LADÁRIO

Justiça manda Estado manter escolas de ensino médio

22 julho 2019 - 08h24Por Da Redação

Após o Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul ter ajuizado Ação Civil Pública em face do Estado, a Juíza de Direito Luiza Vieira Sá de Figueiredo deferiu o pedido de liminar, determinando que o Estado se abstenha, imediatamente, de fechar as turmas de ensino médio do período noturno das Escolas Estaduais Dom Bosco e Gabriel Vandoni de Barros, em Corumbá, bem como da Escola Estadual 2 de Setembro, em Ladário, e, consequentemente, de transferir os alunos para as Escolas Estaduais: João Leite de Barros, Carlos Castro Brasil e Leme do Prado, pelo menos até o final do ano letivo de 2019.

Ainda, de acordo com a decisão, fica determinado que o Estado promova de forma imediata a gestão conjunta com a comunidade escolar das escolas envolvidas (pais, docentes, discentes e direção escolar), para a realização de estudo acerca dos impactos pedagógicos e sociais decorrentes do respectivo encerramento, e adoção da medida mais adequada ao caso.

Consta da ação que o Promotor de Justiça, em reunião com pais e representantes da Escola Dom Bosco, tomou conhecimento de que a Secretaria Estadual de Educação, no último dia 11 de julho, havia comunicado à direção da escola sobre a decisão de fechamento das turmas do ensino médio do período noturno, incumbindo-a de informar os pais e alunos que, a partir de quarta-feira (17/7), todos os alunos deveriam se apresentar na Escola Estadual João Leite de Barros para o início de aulas.

A justificava dada pela Secretaria Estadual de Educação pelo fechamento das turmas foi a necessidade de contenção de gastos.

Ainda em reunião, os participantes informaram que a Secretaria de Educação do Estado havia comunicado o encerramento de 4 turmas do 1º ao 3º ano do ensino médio, do período noturno, da Escola Dom Bosco, com aproximadamente 150 alunos, e a transferência desses alunos para a Escola João Leite de Barros, bem como o encerramento de 3 turmas da Escola Gabriel Vandoni de Barros, também do ensino médio e período noturno, com remanejamento de 2 turmas para a Escola João Leite de Barros e de 1 turma para a Escola Carlos Castro Brasil.

No Município de Ladário, a informação é que 5 turmas do Ensino Médio da Escola 02 de Setembro foram encerradas e os alunos transferidos para a Escola Estadual Leme do Prado.

Além disso, durante a reunião foram apresentados pelos participantes os inúmeros prejuízos pedagógicos e sociais que a transferência dos alunos para outras escolas acarretaria.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AGETRAN
Região do Ceim do distrito de Vila Vargas recebe sinalização
BRASIL
STJ atualiza tabela de custas judiciais e divulga regras de gratuidade
BRASIL
ANM lança sistema público de monitoramento de barragem de mineração
DOAÇÃO
Órgãos captados em Dourados vão salvar vidas em três Estados
CIÊNCIA
Brasileiros ganham concurso de soluções tecnológicas da Nasa
BRASIL
Presidente do STJ suspende processo que tramita em SP contra Temer
FOI PRESO
Homem desafia Lei Maria da Penha em MS
ESTADO
Imagem de satélite faz aposentado levar multa de R$ 4 mil por desmatamento
ECONOMIA
FCO disponibiliza R$ 185 milhões em empreendimentos para MS
BRASIL
Pedidos de recuperação judicial caem 1,5% em 2019

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Pai e filha moradores de Dourados morrem em acidente no Paraná
VILA ROSA
Homem morre após ser atingido por facada no pescoço em bairro de Dourados
TRÁFICO
‘Espaço de lazer’ em Dourados era usado para guardar drogas e abrigar fugitivos
DOURADOS
Assassinato na Vila Rosa aconteceu por ciúmes durante manutenção em porta