Menu
Busca quinta, 18 de outubro de 2018
(67) 9860-3221
ERRO

Juiz diz que errou e concursos da PM e Bombeiros continuam valendo

13 junho 2018 - 15h35Por Da Redação

O juiz David de Oliveira Gomes, da 2ª Vara de Direitos Difusos, Coletivos e Individuais Homogêneos de Campo Grande, afirma que errou e voltou atrás na decisão de suspender os concurso da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, mantendo as provas marcadas para os dias 12 de agosto e 2 de setembro, respectivamente.

De acordo com o Campo Grande News, na justificativa, o magistrado entendeu que “o direito reclamado não justifica a liminar concedida. […] A análise ganharia relevância se a contratação dependesse de licitação pelo melhor preço, mas não é o caso”, explica o juiz.

O governo do Estado argumentou que a contratação da Fapems (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura de Mato Grosso do Sul) foi feita com dispensa de licitação respeitando o artigo 24 da Lei de Licitação (8.666/93), que prevê a assinatura do serviço sem necessariamente obedecer os critérios econômicos. A empresa foi contratada por R$ 3,7 milhões.

A PM oferece 338 vagas para soldados, 50 para oficiais e 12 para oficiais de saúde. Já para integrar o quadro dos bombeiros são mais 200 vagas, sendo 23 do Curso de Formação de Oficiais do Quadro de Combatentes, 153 praças, 12 vagas do Quadro de Oficiais de Saúde e 12 do Quadrao de Oficiais Especialistas.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
De biquíni, Tammy di Calafiori rouba a cena na web em dia de praia
Idoso que estava desaparecido é encontrado morto em Amambai
ECONOMIA
Senado aprova projeto que define regras para duplicata eletrônica
UEMS
Mestrado em Ensino em Saúde prorroga prazo de inscrições
IVINHEMA
Jovem é agredida pelo namorado após ele ter estuprado a mãe dela
IMUNIZAÇÃO
Anvisa aprova nova vacina contra gripe exclusiva para idosos
ESTRAGOS
Prefeitura de Iguatemi decreta situação de emergência devido as chuvas
SEMIABERTO
Senador Acir Gurgacz é transferido para presídio da Papuda em Brasília
CAMPO GRANDE
Garoto que atirou dentro de escola e se feriu portava pistola 6.35
JUSTIÇA
Empresa telefônica é condenada por bloquear linha de cliente

Mais Lidas

DOURADOS
Homem morre ao tentar atravessar “lago da rodoviária” a nado
CENAS DE CINEMA
Perseguição e troca de tiros termina com veículos recuperados em Dourados
PEDRO JUAN
Suspeita de envolvimento em roubo a vereador douradense é executada na fronteira
OLAVO SUL
Vereador douradense é ameaçado de morte ao separar briga em distrito