Menu
Busca domingo, 23 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
MEIO AMBIENTE

Fazendeiro é autuado em R$ 5 mil por degradação de área protegida

14 junho 2015 - 13h38

Policiais Militares Ambientais de Cassilândia realizavam fiscalização ontem nas propriedades rurais, no município de Inocência, quando surpreenderam um fazendeiro degradando área de preservação permanente (APP), que é protegida por lei, sem autorização ambiental. Com uso de uma máquina retroescavadeira, o proprietário rural, de 49 anos, construía tanques de piscicultura, em uma área de vereda e ainda nas proximidades de nascentes, que também são áreas protegidas por lei.

As atividades foram interditadas e a máquina foi apreendida. Pela infração administrativa, o proprietário rural, residente em Inocência, recebeu multa de R$ 5.000,00. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

O infrator foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental Estadual um plano de recuperação da área degradada – PRAD, sendo lhe dado um prazo de 30 dias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
PM recebe solicitação por desentendimento familiar e captura foragido
CAPITAL
Homem é encontrado morto com tiro na cabeça
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 42kg de maconha e skank após fuga de condutor
BRASIL
Multas por uso de celular ao volante crescem 33% em 2018
CAPITAL
Mulher é flagrada ao tentar entrar em presídio com carregador e 20 chips nas partes íntimas
BRASILEIRÃO/2018
Operário-PR vence o Cuiabá por 1 a 0 e levanta a taça da Série C
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital
MS
Homem procura PM para registrar boletim de ocorrência e acaba preso
CAMAPUÃ
Veículo roubado carregado com mais de 900 kg de maconha é apreendido
ESPORTES
Thiago Marreta vence batalha e lidera show brasileiro no UFC

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem foi espancada até a morte no Pelicano
DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
DOURADOS
Jovem é encontrada morta no Jardim Pelicano
OPERAÇÃO NEPSIS
Ação conjunta prende cinco Policiais Rodoviários Federais em MS