Menu
Busca sábado, 14 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
PONTA PORÃ

Ex-marido é condenado a 24 anos de prisão por matar médica

27 outubro 2017 - 06h24Por Da Redação

O corretor imobiliário Rafael dos Santos, 35 anos, foi condenado a 24 anos e seis meses de prisão por matar a médica Nislaine Colman Benites, 31 anos. O julgamento foi realizado na última quarta-feira, dia 25 de outubro, no Tribunal do Júri de Ponta Porã.

A médica foi assassinada com três tiros desferidos pelo ex-marido na manhã do dia  14 de dezembro do ano passado, no posto de saúde Dr. Nery de Azambuja, que fica no Bairro Jardim Marambaia, em Ponta Porã. 

O caso correu em segredo de Justiça, por isso ninguém, além de familiares e testemunhas, puderam acompanhar o júri. A informação sobre a pena foi confirmada pela assessoria da promotora Gislaine Dal Bó, qua acompanhou o caso.

Quarta-feira, familiares da médica oraram em frente ao Fórum de Ponta Porã, onde ocorria o julgamento. De mãos dadas, eles pediam a condenação do acusado.

CRIME 

De acordo com o site Ponta Porã Informa, Nislaine chegou no local de trabalho e foi até a cozinha tomar café, ocasião em que viu o ex-marido se aproximando, armado. A médica correu e trancou a porta, mas Rafael desferiu um tiro contra a porta e, em seguida, assassinou a mulher com disparos de arma calibre .380.

Conforme informações de testemunhas, o corretor de imóveis chegou no posto de saúde em uma motocicleta e, antes de fugir, deixou cair o capacete.

A vítima trabalhava no Programa Mais Médicos e é filha do vereador reeleito em Ponta Porã pelo PSDB, Marcos Benites, o Marquinhos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Condenada por morte de namorado, mulher que alegou roleta-russa é presa
RURAL
Meta da agropecuária é abastecer mercado interno, diz Tereza Cristina
CINEMA
Danny Aiello, ator de 'Faça a coisa certa', morre aos 86 anos nos EUA
SIDROLÂNDIA
Polícia apreende carga de 80 pneus de origem estrangeira na MS-162
ERRO
Governo torna sem efeito promulgação da Reforma da Previdência Estadual
RIO BRILHANTE
Homem que teria brigado com pedreiro antes de assassinato se apresenta
SAÚDE
Juiz determina que empresa volte a fornecer alimentação para o HU
CAPITAL
Homem morre ao passar mal após comer paçoca que ganhou de amigo
RIO DE JANEIRO
Ex-deputados Edson Albertassi e Paulo Melo são soltos por engano
RESORT
Morre menino vítima de queda de avião em resort no sul da Bahia

Mais Lidas

CAARAPÓ
Homem é assassinado a golpes de faca após discussão em bar
DOURADOS
Inteligência da PM prende dois por tráfico no bairro Estrela Tovi
GRANDE DOURADOS
Quadrilha especializada em roubo de caminhonetes é desarticulada e seis são presos
FURTO
Polícia recupera objetos e fecha ponto de receptação em Dourados