Menu
Busca domingo, 17 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
NOS TRILHOS DA MENTE

Espetáculo da Uems recebe três prêmios em festival de teatro de SP

27 outubro 2017 - 17h05Por da Redação

O espetáculo “Nos Trilhos da Mente” encenado pelos acadêmicos do curso de Artes Cênicas da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems), da unidade de Campo Grande, recebeu três premiações durante o 20º Festival de Teatro Estudantil (Festil) de Pindamonhangaba, São Paulo.

A peça que conta a história e mostra a rotina de uma família com uma pessoa com a Demência de Alzheimer, foi ganhadora do prêmio de Melhor Preparação Corporal, além de o acadêmico, Alef Ramos, receber o prêmio de Melhor Ator e Mariana de Castro dividir o prêmio de Melhor Atriz. O Festival contou com a apresentação de 14 equipes de teatro, na categoria adulto, sendo 12 de São Paulo, Capital e interior, uma do Maranhão e uma de Mato Grosso do Sul.

A iniciativa do espetáculo foi uma produção dos professores e acadêmicos dos cursos de Medicina e de Artes Cênicas e teve a direção de Leonardo Arruda Calixto (ator e docente do curso de Artes Cênicas), a co-direção de Nathalie Allas (egressa de Artes Cênicas e Dança) e o texto adaptado de José Carlos Rosa Pires de Souza (docente do curso de Medicina).

O elenco formado por Alef Ramos, Júlio Ruschel, Mariana de Castro, Matheus Lomando e Robson Marx contou com o apoio da equipe técnica formada por Larissa Cardoso, operadora de som, e Lana Figueiró, operadora de luz, acadêmicos do curso de Artes Cênicas que foram acompanhados pela docente Flávia Cavalcanti Gonçalves até São Paulo. O espetáculo recebeu o apoio da Divisão de Cultura, Esporte e Lazer, da Pró-reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários (Proec) da Uems, com recursos do Programa Nacional de Assistência Estudantil para as Instituições de Educação Superior Públicas Estaduais (Pnaest).

O grupo apresentou a peça no dia 13 de outubro, primeira vez, que foi encenada para um público não ligado à área da saúde, pois, o espetáculo foi pensado dentro de um projeto de extensão do curso de Medicina, que teve como foco de público psicanalistas, psiquiatras, cuidadores, médicos e outros profissionais e estudantes da área da saúde.

“Depois da apresentação os acadêmicos foram indagados não só pela banca avaliadora, mas também pela plateia que era composta por professores de teatro e estudantes da área. Nas perguntas eles mostraram que identificaram a técnica de diversos autores refletida na prática do trabalho dos alunos. Fiquei muito feliz, pois pude perceber que o trabalho feito na Universidade está refletindo na prática deles”, ressaltou a professora Flávia Gonçalves.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUUU!!
Graciele Lacerda exibe corpão em foto e recebe enxurrada de elogios
PROVA ACONTECE AMANHÃ
Concurso da Educação terá reforço na segurança
BRASIL
eSocial já tem 24 milhões de trabalhadores cadastrados
490 EMPRESAS
Jucems registra em janeiro, melhor resultado em cinco anos
BRASIL
Após tragédia, futuro do Ninho do Urubu está indefinido
CAMPO GRANDE
Casa é queimada e morador acredita em fogo criminoso
PROVAS AMANHÃ
Agência orienta candidatos de concurso a não viajarem com transportadores clandestinos
CASO QUE CHOCOU
Homem que furtou corpo de cemitério disse ter ouvido vozes
BRASIL
Repasses de fevereiro a beneficiários do Bolsa Família vão até o dia 28
BELEZA NATURAL
Asfalto da MS-450 avança entre morros e potencializa o turismo na Estrada Ecológica

Mais Lidas

TRÂNSITO
Vídeo mostra acidente que matou duas pessoas em Dourados
TRÂNSITO QUE MATA
Dois morrem em colisão frontal em Dourados
DOURADOS
Jovem morre após troca de tiros com a polícia no Água Boa
JARDIM COLIBRI
Homem é executado na frente da mulher em Dourados