Menu
Busca quarta, 23 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
AUMENTO SALARIAL

Empregados em lotéricas de MS querem 15% de reajuste

18 setembro 2017 - 16h05

Trabalhadores em lotéricas, locadoras, despachantes e em empresas de assessoramento, perícias, informações, pesquisas e serviços contábeis de Mato Grosso do Sul querem 15% de reajuste salarial para vigorar a partir do dia 1º de novembro, data base das categorias. É o que afirma o Seaac/MS, sindicato que as representa, informa Estevão Rocha dos Santos, presidente da entidade e diretor da Fetracom-MS (Federação dos Empregados no Comércio e Serviços de MS.

O pedido de 15% já foi encaminhado para os respectivos sindicatos patronais como o Sescon, Sinal (lotéricas); Sinfac (factoring) e outras. "Estamos convencidos de que podemos avançar nessa negociação com todas elas, com ganho real acima do acumulado da inflação no período", afirma Estevão Rocha.

Leandro Priamo, diretor do Seaac/MS, lembra que a entidade já promoveu assembleias com todas as categorias que representa para tratar na Convenção Coletiva de Trabalho – CCT 2017/18. "Apesar das dificuldades econômicas que o país atravessa, esses setores que representamos apresentaram crescimento desde o ano passado. Porisso acreditamos que podemos avançar nas negociações em benefício dos trabalhadores", afirma Priamo.

A diretoria do Seaac/MS acredita também que a reforma trabalhista não impedirá uma boa negociação entre as duas categorias (patronal e laboral) uma vez que ficou estabelecido na nova lei que o negociado é maior que o legislado. Portanto, a entidade vai se esforçar para fechar um bom acordo em que o trabalhador e sua família sejam valorizados.

A partir das próximas semanas o Seaac/MS deverá sentar na mesa de negociação com as classes patronais para definir não só os percentuais de reajuste salarial, bem como outras medidas sociais e econômicas de valorização dos trabalhadores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHAPADÃO DO SUL
Motociclista morre após ser atingido por carro e arremessado contra muro
ÓLEO
Senadores pedem declaração de emergência ambiental no Nordeste
AMAMBAI
Homem é suspeito de esfaquear a filha após ser denunciado por estuprá-la
PRAZO
Submissão de trabalhos para Jornada de Linguística vai até o dia 30
NOVA ALVORADA
Pastor evangélico é esfaqueado dentro de igreja após culto
EDUCAÇÃO
Enem para privados de liberdade registra mais de 40 mil inscritos
JUSTIÇA
Comparsa de homicídio de adolescente vai a júri nesta quarta-feira
SEU BOLSO
Aneel sobe tarifa da bandeira vermelha e reduz da amarela em Novembro
COXIM
Mãe é presa após estrangular filho de 3 anos com fio de energia
EMPREGO
Marinha abre inscrições para profissionais com ensino superior completo

Mais Lidas

HAYEL BON FAKER
Homens são presos fazendo sexo em via pública em Dourados
DOURADOS
Três são presos após ‘batida’ em ‘boca de fumo’ no Jardim Pantanal
DOURADOS
“Se não pagar vocês não vão dormir, não vão ter paz”, ameaçou professora indígena presa por extorsão
DOURADOS
Suspeito de extorsão em área de conflito, policial é levado ao Presídio Militar da capital