Menu
Busca terça, 14 de julho de 2020
(67) 99659-5905
ASSEMBLEIA

Deputados devem votar nove projetos na sessão ordinária desta terça-feira

15 outubro 2019 - 09h53Por Da Redação

Os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) devem analisar e votar nove matérias na Ordem do Dia da sessão desta terça-feira (15). Três projetos retornam ao plenário para que seja votada a redação final. Estão pautados, ainda, três projetos em discussão única, dois em segunda votação e um em primeira.

Entre as matérias na pauta, estão o Projeto de Resolução 65/2019, que cria a “Comenda Antônio Tonani” aos profissionais e empresas de rádio difusão, e o Projeto de Lei 114/2019, que dispõe sobre as informações e o ressarcimento aos consumidores dos percentuais aplicados por furtos de energia elétrica e suas perdas. As duas propostas, que terão a redação final apreciada, são de autoria do deputado Marçal Filho (PSDB).

Também pautado para ser votada a redação final, está o Projeto de Lei189/2019, do deputado Professor Rinaldo (PSDB). A proposta é incluir no calendário de Mato Grosso do Sul o evento “Cavalgada do município de Selvíria”.

Em segunda discussão, devem ser votados dois projetos de lei do Poder Executivo: o 204/2019, que altera a Lei 2.766/2003, que prevê descontos para as empresas, delegatárias de serviços públicos, negociarem seus débitos; e o 245/2019, que cria o  Fundo Estadual do Trabalho (FET/MS) e o Conselho Estadual do Trabalho, Emprego e Renda (Ceter/MS), com a finalidade de destinar recursos para a gestão da Política Estadual de Trabalho, Emprego e Renda, em regime de financiamento compartilhado, no âmbito do Sistema Nacional de Emprego (Sine).

Os deputados devem votar também o Projeto de Lei 219/2019, de autoria do deputado Lucas de Lima (Solidariedade), que institui a Semana Estadual de Conscientização, Prevenção e Combate a Prática de Queimadas Urbanas. A matéria, prevista para ser votada em primeira discussão, tem parecer favorável por unanimidade da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).

Em discussão única, estão pautados o Projeto de Resolução 37/2019 e o Projeto de Lei 238/2019, ambos de autoria do deputado Paulo Corrêa (PSDB). A primeira matéria cria o Diploma de Honra ao Mérito Legislativo “40 anos do CREA/MS”. Já o Projeto de Lei 238/2019 declara de utilidade pública estadual a Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) “Lar Jeferson Leandro do Prado Elias”. Ainda em votação única, deve ser apreciado o Projeto de Lei 212/2019, de autoria do deputado Gerson Claro (PP), que declara de utilidade pública estadual a Cooperativa dos Produtores do Assentamento Itamarati (Cooperai).

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Resultado do Sisu do segundo semestre já está disponível no site
DOURADOS
Polícia prende estelionatário que se passava por funcionário de banco
CÂMARA DE DOURADOS
Sem maioria na base, novo líder da prefeita prega intercâmbio "democrático e harmonioso"
RIO BRILHANTE
Criança é flagrada jogando arma usada pelo pai em assalto dentro de lixeira
BRASIL
Saque de auxílio emergencial é liberado para beneficiários do 3º lote
MUNDO NOVO
Jovem é assassinado com tiro na cabeça após homem chegar procurando pelo tio dele
SAÚDE & BEM - ESTAR
Como saber se meu filho tem sinais de TDAH?
INFORME PUBLICITÁRIO
Economize na construção da sua casa, garantindo beleza e sustentabilidade!
PANDEMIA
Crise do novo coronavírus pode ficar pior, alerta OMS
TRÁFICO DE DROGAS
Mulher é flagrada com caixas de maconha na rodoviária de Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
‘Deus no comando amem’: antes de crimes, atirador postou pregação religiosa
BARBÁRIE
Homem assassina ex, atira em crianças e se mata no altar de igreja em Dourados
DOURADOS
Atirador baleou criança de quatro anos na cabeça ao abrir fogo para matar ex-mulher
DOURADOS
Atirador chegou em igreja na hora da comunhão e entrou dizendo ter feito bobagem