Menu
Busca sábado, 15 de junho de 2019
(67) 9860-3221
FERIADÃO

Confira dicas para quem vai viajar de ônibus em MS neste feriado prolongado

12 outubro 2018 - 16h41Por Da Redação

Para muitas pessoas, o feriadão dos dias 11 e 12 de outubro é oportunidade para saída da cidade, diversão longe de casa e visita a familiares e amigos. Se a folga significa viagem de ônibus entre cidades de Mato Grosso do Sul, é importante tomar uma série de cuidados para garantir um passeio tranquilo e seguro.

A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan), responsável por fiscalizar a prestação dos serviços pelas empresas de linhas regulares e de fretamento, dá algumas dicas aos passageiros. Fique atento.

Vai comprar passagem?

Só adquira o bilhete em pontos oficiais de venda e só com empresas cadastradas. Para quem escolhe as grandes transportadoras, que têm ponto de saída nos terminais, essa situação não costuma ser problema. Mas muitos passageiros optam por viajar de vans e micro-ônibus. Isso pode ser feito, desde que o transportador seja um dos autônomos autorizados pela Agepan. Essas empresas também têm pontos de embarque e desembarque e horários estabelecidos pela Agência. Da mesma forma que nas empresas maiores, eles precisam emitir um bilhete, e estar com o cadastro e vistoria do veículo em dia.

Empresas e transportadores autônomos têm que oferecer as gratuidades garantidas na legislação

Nos ônibus, duas poltronas grátis para idoso, duas poltronas grátis para pessoa com deficiência, e duas poltronas com 50% de desconto para idosos, caso as vagas gratuitas já estejam ocupadas. Nos micro-ônibus (incluindo vans), é obrigatório: um poltrona grátis e um com 50% de desconto para idoso e uma poltrona grátis para pessoa com deficiência.


Nunca viaje com um transportador clandestino

Escolha sempre empresas ou transportadores autônomos legalizados. Na dúvida sobre o serviço que está contratando, o passageiro pode pedir comprovação que ateste que o transportador é cadastrado e regularizado. Caso contrário, a viagem não tem qualquer garantia, além de ser um risco para a segurança.

Embarcou? Afivele o cinto de segurança

Muitos passageiros não tem no transporte público o mesmo cuidado que tem nas viagens de automóvel. Mas o risco de ferimentos ou até de morte em acidente com vans e ônibus é o mesmo que nos carros de passeio. O veículo tem que estar com o cinto em boas condições e visivelmente colocado sobre a poltrona. Além disso, a Agepan determinou que o motorista ou outro representante da empresa faça uma orientação verbal antes da saída, lembrando os passageiros de utilizarem o equipamento.

Apenas em viagens com característica urbana, que utilizam ônibus modelo urbano (como Ladário/Corumbá, Jardim/Guia Lopes da Laguna, ou Aquidauana/Anastácio) é permitido viajar passageiro em pé

Nas linhas com distância maior, todos os passageiros devem estar sentados. Se uma empresa vender passagem acima da capacidade e sugerir que o passageiro vá em pé em determinado trecho, não aceite. Denuncie à Agepan.  No site da Agência, o sistema Pesquisa de Viagem informa todas as empresas que fazem uma determinada linha, com horários e tarifas. Basta escolher a origem e o destino e conferir as opções.

A Agepan dispõe de uma Ouvidoria

Para prestar informações, tirar dúvidas e receber reclamações dos usuários. Em caso de qualquer problema, o passageiro pode utilizar, pela Internet, o sistema e-Ouvidoria. Pode também ligar gratuitamente para o telefone 0800 600 0506. Ou, ainda, entrar em contato pelo e-mail (ouvidoria@agepan.ms.gov.br).

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL
Com triunfo sobre a Bolívia, Brasil chega à 100ª vitória na Copa América
ANASTÁCIO
Policial desconfia de negociação de jet ski e dupa é presa com arma e mais de R$ 13 mil
MUNDO
Hong Kong recua sobre lei que permite extradições para China
CAMPO GRANDE
Homem é assassinado por ex-marido da mulher durante encontro
MALHAÇÃO
Cleber e Anjinha se estranham e namoro fica ameaçado: 'Eu vou desistir'
ASSEMBLEIA
Escola Bilíngue para Surdos passa pela CCJR e segue a plenário
IMUNIZAÇÃO
Campanha de vacinação contra aftosa encerra neste sábado em MS
CAMPO GRANDE
Internado com suspeita de H1N1, homem morre em hospital e pode ser 15ª vítima em MS
THE INTERCEPT
Moro não reconhece autenticidade de mensagens de site
DOURADOS
Após cinco assassinatos em uma semana, indígenas buscam solução para coibir crimes em aldeias

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem foi jogado ainda vivo dentro de poço e crime ocorreu por ciúme
COLT
Preso que ordenava mortes em ‘tribunais do crime’ é transferido de MS para o RN
POLÊMICA
Dono da Havan manda “recado” a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
DOURADOS
Guarda vai atender furto e acaba prendendo homem por tráfico de drogas no Canaã 3