Menu
Busca terça, 19 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
PARANAÍBA

Com mais de mil consultas oftalmológicas feitas, Caravana inicia cirurgias nesta quinta

02 julho 2015 - 07h43

A Caravana da Saúde chegou nesta quarta-feira a mais de mil consultas realizadas em seu segundo dia de atendimento no município. As consultas oftalmológicas são a primeira etapa para o agendamento dos pacientes que precisam de procedimentos cirúrgicos, que começam a partir desta quinta no complexo da Caravana da Saúde, montado em frente ao campus da Uems (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Paranaíba.

Além da cidade, a Caravana está atendendo pacientes de municípios que compõem a microrregião como Inocência, Aparecida do Taboado e Cassilândia. Também estão incluídos nos atendimentos oftalmologicos os municípios de Chapadão do Sul, Costa Rica, Figueirão, Paraíso das Águas e Água Clara.

Na manhã de quarta-feira (01), pacientes destacaram a confirmação de suas cirurgias e falaram sobre o alívio em se ter acesso rápido a procedimento médicos trazidos pela Caravana que normalmente demandam muito tempo na fila de espera. Para o trabalhador rural, Arlindo Lopes do Prado, 75 anos, o diagnóstico de catarata acabou interrompendo uma das suas atividades preferidas que é cuidar do gado. Segundo Arlindo, a troca constante de óculos fez com que várias atividades que realizava no campo fossem deixadas de lado, porém a vontade de retornar sempre esteve presente.

“Estou a aproximadamente há 4 anos com este problema na visão. No começo resolvi usando óculos, mas com o passar do tempo não tinha mais efeito e eu acabava trocando até chegar num ponto onde o médico disse que eu precisava de uma cirurgia. Isso fez com que eu parasse com o trabalho no campo, o que eu sempre gostei de fazer. Ainda tento de vez em quando mas não é a mesma coisa. Fui chamado pela Caravana da Saúde e tive a minha cirurgia confirmada. Confesso que de inicio me dá um pouco de medo, mas a volta as atividades fala mais alto. Nunca vi uma iniciativa de saúde como esta e é com certeza um trabalho que merece os parabéns”, comemorou Arlindo.

Para o morador de Água Clara, Martino Deflou, 72 anos, os primeiros sintomas de catarata surgiram após um graveto atingir seu olho esquerdo. Com o passar do tempo a dificuldade de enxergar foi aumentando, atrapalhando as suas atividades diárias. “Foi há muito tempo, mas um graveto acabou batendo em meus olhos. De início não percebi nenhum problema, mas o tempo foi passando e cada vez mais minha visão ficou embaçada ao ponto de não enxergar. Acabei deixando de lado a busca por exames ou consulta. Como participo de um grupo de idosos em Água Clara, fiquei sabendo da Caravana da Saúde e vi a oportunidade de buscar um tratamento. Vim com o Serviço Social de Idosos de Água Clara e não tenho do que reclamar sobre este programa. Seria muito importante que ele não parasse”, disse Martino após a confirmação de sua cirurgia.

Acompanhada de sua filha, Benedita Maria dos Santos, moradora do município de Aparecida do Taboado, destacou a chegada da Caravana até a sua região após estar há quatro meses realizando exames para uma fazer uma cirurgia de correção na retina. “Percebi que minha visão estava fraca a ponto de não conseguir mais nada. Cheguei a fazer um procedimento na cidade de São José do Rio Preto, mas um tempo depois os problemas voltaram. O ultimo exame diagnosticou um descolamento de retina, sendo necessária mais uma cirurgia. Eu já estava me preparando para ir até Três Lagoas, mas como meu filho mora lá, ele me avisou que a Caravana viria até Paranaíba. Foi uma satisfação ter acesso a este tipo de tratamento e confirmar esta cirurgia de correção. É um trabalho essencial para a população e o governo esta de parabéns pela iniciativa”, disse Benedita.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPINIÃO
O meio ambiente e as mazelas da sociedade contemporânea, por Douglas Martins
OPORTUNIDADE
Fundação do Trabalho tem aumento de 51% no número de pessoas encaminhadas para o mercado
MINAS GERAIS
Histíoria e religião: conheça um pouco da cidade de Ouro Preto
CRIME AMBIENTAL
Três são multados por desmatamento e maus-tratos na criação de animais
TRÊS LAGOAS
Sem CNH e bêbado, homem não consegue fazer teste do bafômetro
MODA
Esporte nas ruas: saiba como introduzir as roupas fitness no seu dia a dia
SHOWBIZZ
Saiba detalhes da separação envolvendo José Loreto e Débora Nascimento
COMER BEM
Bolinho de pamonha: receita prática de petisco
CAMPO GRANDE
Operação da PF cumpre dois mandados de prisão em MS
POLÍTICA
Exoneração de Bebianno é publicada no Diário Oficial da União

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Motociclista atropela, mata criança de 1 ano em Dourados e foge do local
DOURADOS
Motorista tenta desviar de outro veículo e bate carro em árvore
NOVA ANDRADINA
Mãe de 16 anos mata filha de apenas 21 dias
DOURADOS
Um ano após pedido de demissão, ex-secretário de Délia retorna à prefeitura