Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
CONDENADO A PRISÃO PERPÉTUA

Cesare Battisti é preso em Corumbá quando tentava entrar na Bolívia

04 outubro 2017 - 14h11Por Da Redação

O italiano Cesare Battisti, condenado a prisão perpétua em seu país, foi detido nesta quarta-feira na cidade de Corumbá, tentando atravessar a fronteira com a Bolívia. Ele vive como refugiado no Brasil. Segundo o jornal O Globo, ele teria sido preso pela PRF (Polícia Rodoviária Federal).

A prisão dele ocorreu numa blitz sob uma suposta tentativa de evasão de divisas e as autoridades locais  acreditam que ele iria tentar se refugiar na Bolívia após o pedido formal dos italianos para que o Brasil o devolva para cumprir a pena em seu país de origem.

Ainda segundo o portal do jornal, defesa de Battisti disse que ainda não tem informação sobre sua detenção. 

A defesa do italiano entrou com um pedido de habeas corpus na última quinta-feira (28), no Supremo Tribunal Federal (STF), para impedir uma possível extradição. Ele recebeu asilo no Brasil após decisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2010. Foi o último ato do petista na Presidência.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Homem é autuado em R$ 107 mil por desmatamento ilegal
BRASIL
Aluno de 14 anos esfaqueia professor em escola na zona leste de SP
SELEÇÃO BRASILEIRA
Tite chama amanhã jogadores para amistosos de outubro
DOURADOS
Uno é consumido pelo fogo e Guarda descobre que carro era furtado
HOMICÍDIO
Homem é preso suspeito de matar colega de quarto a facadas
PESQUISA CNT
Duas rodovias são responsáveis por 1/4 dos acidentes no país
DOURADOS
Délia publica novo decreto para conceder recesso de fim de ano
ARTIGO
O poder do arrependimento!
CAMPO GRANDE
Hospital Cassems realiza semana de ações em prol da Segurança do Paciente
MATO GROSSO DO SUL
Seminário discute políticas públicas para pessoas com deficiência

Mais Lidas

DOURADOS
De assaltante frustrado a autor de furto, jovem agora é apontado como assassino frio e cruel
DOURADOS
“Terror”: Empresário foi agredido e ameaçado de morte durante roubo de joias
CRIME BRUTAL
Após matar pai e filho, assassino arrancou cérebro de menor e manteve fogo aceso para queimar corpos
DOURADOS
Interno foge da PED durante trabalho de manutenção