Menu
Busca terça, 23 de abril de 2019
(67) 9860-3221
RURAL

Aumento de área plantada coloca MS entre os maiores produtores de grãos do país

15 abril 2019 - 11h09Por Da Redação

Mato Grosso do Sul apresentou o maior aumento do país em área plantada com soja na safra 2018/2019. A cultura se expandiu para mais 280 mil hectares no Estado (+10,30%), elevando a área total para quase 3 milhões de hectares, o que contribuiu para manter o Estado entre os cinco maiores produtores de soja do Brasil (atrás apenas de Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Paraná e muito próximo a Goiás).

Os dados são do Programa SIGA-MS, o Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio implantado pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) em parceria com entidades de produtores rurais.

O secretário Jaime Verruck, da Semagro, observa que se não fossem problemas climáticos, o Estado teria mais uma supersafra: “Tivemos estiagem no fim do ano passado, principalmente em municípios grandes produtores do Sul do Estado, o que prejudicou a produtividade da soja. Porque a previsão era de colher 10 milhões de toneladas, contando com o aumento da área”, disse.  A produtividade da soja em Mato Grosso do Sul na safra 2017/2018 foi de 59,17 sacas por hectares.

Os técnicos trabalhavam com essa projeção para a safra passada, o que aliada ao aumento da área representaria um volume de 9,54 milhões de toneladas. Os dados finais mostram, entretanto, que a lavoura rendeu 48,11 sacas por hectares, em média, quebra justificada pela estiagem na fase em que a planta estava em desenvolvimento. Com isso o volume colhido ficou em 8,8 milhões de toneladas. Apesar disso, o rendimento deste ano ficou acima da média dos últimos cinco anos, que foi de 46,7 sacas por hectares.

Milho

O milho – cujo ciclo segue o da soja – também apresentou aumento de área. Passou de 1,81 milhões na safra 2017/2018 para 1,92 milhões na safra deste ano, que acabou de ser plantada. Uma variação de 5,73% que foi a segunda maior do País, atrás apenas do Mato Grosso e Paraná.

A melhor notícia é que esse aumento de área, aliado à promessa de boas condições climáticas, devem resultar numa elevação de 11,51% na produtividade média, que foi de 70,13 sacas por hectares na safra passada e pode chegar a 78,2 sc/ha na atual.

Desta forma, Mato Grosso do Sul projeta colher 9 milhões de toneladas de milho na safra 2018/2019 e retorna e volta a ser o terceiro maior produtor brasileiro do cereal, ultrapassando Goiás. Na frente de MS estão justamente os Estados que superaram também no aumento de área (MT e PR).

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Confirmado segundo caso de gripe H1N1 em Mato Grosso do Sul
UEMS
Engenharia Ambiental e Sanitária faz questionário à população douradense
JUDICIÁRIO
TJ/MS terá horário de funcionamento invertido nesta quarta-feira
MEIO AMBIENTE
Ambiental apreende 1.250 metros de redes e liberta 25 kg de peixes
ELEIÇÕES
TRE/MS volta atrás e diz que população escolherá novo prefeito de Miranda
POLÍTICA
Governadores irão ao Congresso discutir Plano Mansueto, Fundeb e Lei Kandir
COMBUSTÍVEIS
Petrobras volta a subir preço da gasolina nas refinarias após 18 dias
INOCENTE
Defesa do ex-presidente Lula diz que vai recorrer para garantir absolvição
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, de olho na votação da reforma da Previdência na CCJ
MS
Congresso Holístico Internacional em Bonito é aberto a profissionais e interessados no tema

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é preso após oferecer cocaína a policiais militares
DOURADOS
Motociclista morre ao bater na traseira de carreta no Terra Roxa
RIO BRILHANTE
Vídeo mostra acidente que matou ex-jogador do Águia Negra
DOURADOS
Homem encontrado morto no rio Dourados foi deixado no local pelo sobrinho no sábado