Menu
Busca domingo, 17 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
MS

AL vai debater cobranças “exorbitantes” em contas de energia durante audiência

03 junho 2015 - 15h15

Está marcado para o próximo dia 17 de junho, às 14h, audiência pública para tratar sobre cobranças nas contas de energia elétrica. Segundo os deputados, o evento é a forma encontrada para provocar o Ministério Público e mostrar que há cobranças indevidas nas contas dos consumidores, já que a CPI que tramitava foi temporariamente suspensa.

Um exemplo citado na sessão de hoje foi de uma cidadã que passou seis meses consumindo a média de 230 a 248 kWh/mês e, no mês de março deste ano o consumo saltou para 1221 kWh/mês e ao procurar a Energisa, a consumidora não obteve explicação para tal cobrança, apenas foi informada de que deverá pagar a conta que totaliza R$ 871.


O Ministério Público Estadual, o Procon (Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor), Ministério Público Federal, a Energisa e outras instituições afins foram convidadas para a audiência pública.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUUU!!
Graciele Lacerda exibe corpão em foto e recebe enxurrada de elogios
PROVA ACONTECE AMANHÃ
Concurso da Educação terá reforço na segurança
BRASIL
eSocial já tem 24 milhões de trabalhadores cadastrados
490 EMPRESAS
Jucems registra em janeiro, melhor resultado em cinco anos
BRASIL
Após tragédia, futuro do Ninho do Urubu está indefinido
CAMPO GRANDE
Casa é queimada e morador acredita em fogo criminoso
PROVAS AMANHÃ
Agência orienta candidatos de concurso a não viajarem com transportadores clandestinos
CASO QUE CHOCOU
Homem que furtou corpo de cemitério disse ter ouvido vozes
BRASIL
Repasses de fevereiro a beneficiários do Bolsa Família vão até o dia 28
BELEZA NATURAL
Asfalto da MS-450 avança entre morros e potencializa o turismo na Estrada Ecológica

Mais Lidas

TRÂNSITO
Vídeo mostra acidente que matou duas pessoas em Dourados
TRÂNSITO QUE MATA
Dois morrem em colisão frontal em Dourados
DOURADOS
Jovem morre após troca de tiros com a polícia no Água Boa
JARDIM COLIBRI
Homem é executado na frente da mulher em Dourados