Menu
Busca quarta, 19 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
JUSTIÇA

Audiência de lutador acusado de matar hóspede é marcada para agosto

19 junho 2015 - 07h09

A primeira audiência do lutador de jiu-jitsu, Rafael Martinelli Queiroz, de 27 anos, foi marcada para o dia 17 de agosto. Ele é acusado de matar o engenheiro eletricista Paulo César de Oliveira no hotel Vale Verde, em Campo Grande, na noite do dia 18 de abril deste ano.

Segundo a assessoria do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), na audiência, serão ouvidas as testemunhas que residem na capital sul-mato-grossense. A Justiça recebeu a denúncia no dia 14 de maio.

O lutador é acusado pelo crime de lesão corporal dolosa em relação à namorada, Carla Medeiros Dias, de 24 anos, em situação de violência doméstica, além do crime de homicídio qualificado por motivo torpe, meio cruel e por recurso que dificultou a defesa do engenheiro e resistência à prisão.

O laudo pericial realizado no hotel apontou que o suspeito deu cinco golpes na cabeça da vítima, mesmo ela estando caída e desacordada. Sobre o laudo toxicológico, o resultado foi negativo para maconha e cocaína.

No dia 3 de junho, a Justiça negou o pedido de revogação de prisão preventiva do lutador. A defesa alegou no pedido que o acusado não necessitava permanecer preso por exercer atividade lícita, ter residência fixa e não possui antecedentes criminais. O parecer do Ministério Público Estadual (MP-MS) foi pelo indeferimento do pedido.

###Entenda o caso
O crime aconteceu em um hotel na avenida Afonso Pena, no bairro Amambaí, depois de uma discussão entre Rafael e a namorada. Segundo a Polícia Civil, o engenheiro era vizinho de quarto, não conhecia o casal e estava na capital de Mato Grosso do Sul a trabalho. O lutador está preso desde o dia 19 de abril, dia seguinte ao fato.

Ainda segundo a polícia, o hóspede foi morto "de graça" pelo lutador, que entrou no apartamento da vítima a procura da namorada, que tinha fugido do quarto do casal depois de ser agredida. A defesa diz que o comportamento agressivo do lutador surpreendeu a família e amigos dele.

###Sem motivo
Oliveira estava hospedado no segundo andar do hotel e era vizinho de quarto do casal, que estava no apartamento 221. Ele foi morto com golpes de cadeira, depois de ter o apartamento 216 invadido pelo lutador, que procurava pela namorada.

A vítima completaria 49 anos no dia seguinte ao crime e não conhecia o suspeito, segundo a Polícia Civil. Ele foi velado e enterrado em Batatais (SP).

O delegado de Polícia Civil, Tiago Macedo, que atendeu ao caso, classificou o suspeito como bastante violento e disse que o lutador mataria quem encontrasse pela frente.

###Discussão
A morte do engenheiro foi depois de discussão do casal dentro do quarto 221, onde os namorados estavam hospedados.

A mulher diz que tentou acalmar o lutador, mas não conseguiu, e que também foi agredida por ele ainda dentro do quarto. Em seguida, ela fugiu. Imagens das câmeras de segurança do hotel mostram o momento em que a mulher saiu do apartamento correndo depois de ser agredida.

Em menos de um minuto depois, o lutador também saiu do quarto atrás da mulher e, enquanto procurava por ela, quebrou as portas de diversos apartamentos vizinhos, danificou objetos e móveis e também destruiu câmeras do circuito interno de segurança e sistema de combate a incêndio.

Depois do crime, o lutador saiu do hotel e atravessou a rua para ir até o ginásio onde acontecia o campeonato que participaria.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018
Candidato do PSOL ao governo diz que pretende encarar o crime organizado com tecnologia
NOVA ANDRADINA
Menor é detida após bater na mãe por não querer estudar
NEGÓCIOS
Sesi continua com inscrições abertas para credenciamento de prestadores de serviços
CONCURSO
Diário Oficial traz resultado preliminar da Prova de Digitação do concurso da Polícia Civil
SHOW
Dourados recebe Zé Ramalho dia 19 de outubro
JUSTIÇA
TJ considera Lei que proibia Uber inconstitucional e transporte se torna legal em Dourados
ESPORTE
STJD rejeita pedido do Palmeiras para impugnar final do Paulistão
DOURADOS
Quase 70% das compras do Dia das Crianças vão ocorrer na semana da comemoração
FAMOSOS
Nasce segundo filho de Wesley Safadão e Thyane Dantas
LIBERTADORES
Cruzeiro encara o Boca hoje na Bombonera

Mais Lidas

DOURADOS
Idoso encontrado morto na pedreira foi vítima de latrocínio
MS-164
Trio é flagrado com mais de 1t de maconha no Copo Sujo
DOURADOS
Colisão frontal mata passageiro de caminhonete e deixa três pessoas feridas
DOURADOS
Homem esfaqueado pelo filho morre no Hospital da Vida