Menu
Busca terça, 11 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
RURAL

Atestado de vacinação contra Influenza Equina é obrigatório para transporte de animais

06 outubro 2017 - 19h05Por Da Redação

Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) alerta que desde julho, conforme a Portaria Iagro/DDSA 3573/17, é obrigatoria a apresentação do atestado de vacinação contra a Influenza Equina (gripe equina) para que se possa emitir a Guia de Trânsito Animal (e-GTA/GTA manual) de equídeos para aglomeração com finalidade comercial e aglomeração sem finalidade comercial.

Visando preservar as condições sanitárias do rebanho equídeo sul-mato-grossense das doenças de notificação obrigatória, as instruções do Ministério da Agricultura e Abastecimento (MAPA), e considerando a vacinação como principal ferramenta de controle da Influenza Equina, a Iagro faz o alerta aos criadores, promotores e participantes de leilões, exposições,  laçadas e outros eventos onde haja aglomeração de animais, para a importância e detalhes da medida, que vale para o trânsito dentro e fora do Estado.

Segundo o Diretor presidente da Agência, Luciano Chiochetta, o trânsito é permitido se acompanhado do atestado de vacinação, e-GTA ou GTA manual e demais exames obrigatórios. Já os atestados de vacinação de outros estados são válidos, desde que constem os dados e a resenha do equídeo, além de constar a vacina (laboratório/marca) utilizada com seu respectivo número do lote/partida e data de validade, o número da Nota Fiscal do produto, a data da vacinação e a assinatura e carimbo do médico veterinário devidamente inscrito no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV).

Luciano esclarece ainda que o prazo de carência para emissão de e-GTA ou GTA manual que estava estabelecido para no mínimo 15 dias, só começará a ser exigido a partir do dia 20 de outubro próximo. A  a validade da imunização para emissão da Guia é de no máximo 360 dias  e os equídeos com idade inferior a 6 meses são isentos da apresentação de atestado de vacinação contra Influenza Equina, desde que acompanhados da mãe portando atestado.

O Presidente ressalta ainda que, conforme a Portaria, está permitida a apresentação de cópia autenticada em cartório ou pelo serviço veterinário oficial (SVO) do comprovante de vacinação do passaporte equino, desde que conste todos os dados exigidos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Detran-MS alerta sobre prazos que estão suspensos por conta da pandemia
INFORME PUBLICITÁRIO
Tijolos Dalfort: A cada milheiro produzido, 2,5 mil garrafas de vidro são retiradas do meio ambiente
COVID-19
Queda nos casos ativos não significa "imunidade de rebanho" em Dourados, alerta pesquisador
FRONTEIRA
Morre em Dourados homem baleado com 18 tiros no Paraguai
CORONAVÍRUS
Brasil tem uma das piores taxas de mortes por milhão pela Covid-19
PONTA PORÃ
Jovem é preso com veículo abarrotado de cigarros contrabandeados
DOURADOS
Temperatura sobe quase 20ºC e umidade do ar despenca 58% em menos de 10h
PANDEMIA
Consumo de combustíveis cai 40% em Dourados; gasolina e etanol são os mais afetados
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 11 milhões nesta terça-feira
TV DOURADOS NEWS
"Dourados precisa de gestão'', diz Davi Infante, pré-candidato a prefeito pelo PSB

Mais Lidas

REGIÃO
Professora morre ao ter moto atingida por carro
DOURADOS
Suspeito de atropelar motociclista durante racha na BR-163 se apresenta à polícia
DOURADOS
Acidente entre carro e moto deixa homem em estado gravíssimo
FRONTEIRA
Ex-lutador de MMA é executado a tiros em confraternização