Menu
Busca quarta, 21 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018
GREVE DOS AGENTES

Agentes suspendem paralisação e visitas ocorrem nos presídios de MS

21 outubro 2017 - 08h30Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Os agentes penitenciários de Mato Grosso do Sul suspenderam no final a tarde de sexta-feira (20) a paralisação da categoria que já durava cinco dias. Com o fim do movimento, as visitas nos presídios do Estado acontecem normalmente no final de semana.

Desde a semana passada a categoria realizava ações reivindicando melhorias e a contratação de novos servidores.

Em nota, o Sinsap (Sindicato dos Agentes Penitenciários) afirmou que em acordo com o governo durante reunião ao longo da semana, foi pactuado o envio de projeto de Lei para reclassificação dos servidores, convocação de 86 novos agentes penitenciários, em janeiro de 2018 e reativar as horas extras na forma como eram antes da paralisação. 

As partes também devem retomar na próxima semana as conversas e tratativas para apreciação de outras demandas da categoria.

De acordo com o Sinsap, a justiça impôs multa diária de R$ 500 a cada servidor do movimento.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 3 milhões nesta quarta-feira
MEIO AMBIENTE
Pecuarista é autuado em R$ 24 mil por desmatamento ilegal de vegetação
PRORROAÇÃO
Polícia Federal pede mais 60 dias para concluir investigação sobre Temer
RESIDENCIAL ROMA
Criança fica ferida ao cair de prédio em Dourados
POLÍTICA
Senado aprova decreto presidencial de intervenção no Rio de Janeiro
TRÊS LAGOAS
Mulher sequestra e agride ex por vingança, após fim de relacionamento
TEMPO
Quarta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
OUSADIA
Ex-BBB Mayra Cardi posa de topless na cama: "livre de alma"
PIAUÍ
Jovem morre enquanto usava celular ligado na tomada
UFGD
Abertas inscrições para concurso de comunicação científica FameLab

Mais Lidas

FÁTIMA DO SUL
Bombeiros farão buscas por mulher que se recusou a entrar em casa
FRONTEIRA
Assaltante morre após trocar tiros com a polícia
DOURADOS
“Chorei muito, perdi o pouco que tinha”, diz pedreiro após incêndio em barraco
DOURADOS
Igreja é arrombada e ladrão leva eletrônicos equipamentos de som