Menu
Busca Quinta, 19 de Outubro de 2017
(67) 9860-3221
Maximos
CRIME AMBIENTAL

Acampamento é desmontado e turistas são autuados por pesca ilegal

25 Setembro 2017 - 19h20

Uma equipe de Policiais Ambientais de Campo Grande realizava patrulhamento fluvial ontem (24), no rio Pardo, no município de Nova Andradina e autuou três pescadores, residentes em Alves Machado (SP), por pescar sem autorização ambiental.

Os pescadores foram surpreendidos quando estavam em um acampamento às margens do Rio Pardo e praticavam pesca sem a licença. Com eles foram aprendidos três molinetes com varas. Cada infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 300,00, perfazendo R$ 900,00. O acampamento foi desmontado.

ALERTA

A pesca sem licença não é crime ambiental, porém, a PMA alerta que é documento necessário para a pesca no Estado e sua falta caracteriza-se como infração administrativa, que prevê, além da multa mínima de R$ 300 até a máxima de R$ 10 mil a apreensão de barco, motor, produto e material da pesca, bem como veículos utilizados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FLORESTINHA
Mais de 500 mudas nativas são plantadas para recuperação de 23 hectares de área
CAPITAL
Mãe e filhos são presos com maconha e skunk em casa
CAMPANHA
Campanha Compartilhe o Natal reúne parceiros e espera arrecadar 10 mil brinquedos
TRIBUNAL
Negado recurso sobre apólice de incêndio ocorrido em 2012
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta sobre o real, em mais um dia de cautela
BRASIL
STJ manda soltar Carlos Arthur Nuzman, ex-presidente do COB
DOURADOS
Délia recebe relatório de auditoria na Educação e diz que terá mais respaldo para medidas severas
FEDERAL
Inscrições para o Vestibular da UFGD encerram amanhã
ABASTECIMENTO
Falta de energia deixa distritos de Dourados sem distribuição de água
BRASIL
Governo autoriza criação de 1,9 mil novas vagas de trabalho em universidades federais

Mais Lidas

BATAYPORÃ
Carta deixada por pai que matou filha não tem relação com o crime
VENTO E TERRA
Ventos e ‘tempestade de terra’ deixa douradenses em estado de atenção
ESTRELA PORÃ
Pai é suspeito de ter estuprado a filha em Dourados
DOURADOS
Juiz manda prefeitura exonerar temporários e convocar aprovados em concurso