Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
(67) 99659-5905

Chefe da GM da Capital vai ficar preso por 30 dias

16 agosto 2002 - 10h15

O chefe da Guarda Municipal de Campo Grande, tenente aposentado Benedito Xavier, deve ficar detido por trinta dias no Comando-Geral da Polícia Militar, na Capital. Segundo a assessoria de imprensa da PM, a ordem de prisão foi determinado pelo comandante-geral da PM no Estado, coronel José Ivan de Almeida.
O tenente foi preso por permitir que os guardas usem armas de fogo, o que é proibido. Um destes guardas, sargento José Francisco da Silva, baleou um jovem que estava no Horto Florestal.
Conforme a assessoria de imprensa da PM, a pena administrativa prevê que a prisão disciplinar deve ser de no máximo 30 dias.


Deixe seu Comentário

Leia Também

ACRE
PF deflagra operação contra fraude na compra de produtos hospitalares
ENERGIA SOLAR
Como fica sua conta de energia depois da energia solar?
LOTERIA
Mega pode pagar R$ 2,5 milhões amanhã
COMER BEM
Conheça algumas das deliciosas Pizzas Doces da Geekers
TRÁFICO DE DROGAS
Moradora de Dourados acaba presa tentando levar maconha até a Capital
MATO GROSSO DO SUL
Mais de 120 veículos passam por fiscalização contra transporte clandestino
FRONTEIRA
Mulheres são presas tentando sair de Ponta Porã com 24 tabletes de cocaína
AMÉRICA DO SUL
Argentina prorroga quarentena obrigatória até 28 de junho
CORONAVÍRUS
Laboratórios e farmácias são obrigados a avisar a SES em casos suspeitos
DOURADOS
Sebrae dará consultoria gratuita sobre biossegurança para empresas

Mais Lidas

PANDEMIA
Em disparada, casos de Covid-19 tem novo recorde diário e passam de 400 em Dourados
EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
DOURADOS
Conselho aponta riscos de contaminação em massa por coronavírus no HV