Menu
Busca segunda, 24 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

CCJ do Senado aprova relatório do Estatuto do Desarmamento

03 dezembro 2003 - 13h45

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovarou, em votação simbólica, na manhã desta quarta-feira, o relatório do senador César Borges (PFL-BA) para o Estatuto de Desarmamento. O texto foi aprovado por unanimidade e sem modificações em relação ao que foi proposto pelo relator.A CCJ aprovou também regime de urgência para a tramitação do texto. Com isso, o relatório, que prevê a realização de um referendo sobre a venda de armas no país, será levado direto para votação no plenário do Senado. O líder do PMDB, senador Renan Calheiros (AL), elogiou o trabalho do relator, senador César Borges (PFL-BA), e as contribuições dadas por vários senadores a essa proposta de legislação. Calheiros disse que o Brasil está acompanhando uma tendência que se verifica no mundo todo.O representante do Viva Rio, Antonio Rangel Bandeira, reclamou de três mudanças feitas no texto desde o início das discussões: a retirada do artigo que incluía o controle dos intermediários de venda de armas; o dispositivo que impedia que arma de colecionador tivesse mecanismo de disparo; e a retirada da obrigatoriedade de detectores de metal em rodoviárias municipais. Ao comentar a retirada desse último item, Rangel disse que isso mostra um "ranço elitista, porque o rico, que viaja de avião, tem garantida sua segurança e o pobre, não". 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Temer vai procurar sucessor para fazer reforma da Previdência este ano
MELHOR DO MUNDO
Modric bate CR7 e Salah e é eleito melhor do mundo
COTAÇÕES
Dólar avança e fecha a R$ 4,08 após três quedas seguidas
VEÍCULO RECUPERADO
Ação conjunta recupera veículo furtado e prende homem com mandado de prisão
TEMPO
Chuva volta, mas Inmet alerta sobre baixa umidade em MS
DOURADOS
Justiça mantém flagrante, mas concede liberdade a suspeita de alterar cena do crime
THE BEST
Marta é eleita melhor jogadora do mundo pela sexta vez
RISCO DE ACIDENTES
Mais de 1,5 mil objetos são retirados de rodovia por mês
CAARAPÓ
Prefeito cassado por compra de votos diz que deixa prefeitura de "cabeça erguida"
TRT
Semana de Execução termina com R$ 2,3 milhões pagos aos trabalhadores em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
TEMPORAL
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados
DOURADOS
Adolescente é encontrado baleado na rua e morre no HV
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital