Menu
Busca terça, 14 de agosto de 2018
(67) 9860-3221
BR-463

Carro é flagrado a quase 200 km/h em rodovia que teve 3 mortes em 24 horas

21 setembro 2017 - 15h05

O limite de 100 km/h para carros de passeio na rodovia BR-463 não tem sido respeitado por muitos condutores e o fato é motivo de alerta e repressão pela PRF (Polícia Rodoviária Federal). Nesta quinta-feira (21), por exemplo, o órgão divulgou uma imagem capturada por radar, a qual mostra um veículo em velocidade de 195 km/h.

O infrator a quase 200 km/h estava em um veículo modelo Hyundai Azera e responderá pela ação.

Neste caso, a velocidade praticada pelo condutor foi de quase o dobro da permitida pela via. Conforme Waldir Brasil, inspetor da PRF, é comum na via motoristas que seguem em velocidade média entre 130 a 170 km/h.

Dados do órgão apontam que apenas nos dias 06 e 07 de setembro na "Operação Independência" foram registrados ao total 1456 veículos trafegando pela via em alta velocidade.

A imprudência é apontada como causa dos acidentes recentes com três vítimas fatais, segundo Brasil.

Conforme mostrado pelo Dourados News, na tarde desta terça-feira (19), na BR-463, o motorista de um caminhão atingiu ocupantes de carros de passeio parados na pista por conta de obras no trecho.

Com o fato, Heleno Antônio Gonçalves e Irineu Nascimento Silva morreram [relembre aqui](http://www.douradosnews.com.br/dourados/carreta-desgovernada-atropela-veiculos-e-douradenses-morrem-na-br-463).

"O motorista não diminui a velocidade, mesmo com a BR sinalizada e em pare e siga", explica o inspetor.


Na tarde de quarta-feira (20),a jovem Tatiane Rodrigues de Alencar morreu em acidente no km 44 da BR-463. Ela estava numa caminhonete GM Silverado com placas de Vicentina.

De acordo com o apurado no local pelo Dourados News, a caminhonete seguia pela rodovia sentido a Dourados quando foi atingida na traseira pelo Ford Fiesta guiado por Sônia Maria Leonel Ramos.

Com o impacto, motorista perdeu o controle de direção, saiu da pista e capotou.[Tatiane foi arremessada para fora do veículo e morreu no local]( http://www.douradosnews.com.br/dourados/colisao-na-br-463-deixa-mulher-morta-e-feridos). Outras duas pessoas, o condutor Rodrigo Pimentel Martins e Karina Rodrigues de Alencar, acabaram feridos e levados ao hospital pelo Corpo de Bombeiros.

O inspetor cita que no caso, também é possível apontar motivação por alta velocidade. Questionado sobre a velocidade específica do motorista que ocasionou a batida, Brasil afirma que isso está sendo levantado pela perícia.

A rodovia foi recapeada recentemente e este fato, conforme o inspetor, pode estar sendo um motivo para os motoristas "abusem".

"A estrada está um ‘tapete’ e nota-se que isso tem levado muitos a ‘pesar o pé’", diz.

A PRF atua na via com o apoio de vários radares de segurança e tem aplicado multa aos infratores. Brasil destaca que o intuito é aumentar a segurança na via e que o trabalho de orientação realizado constantemente não foi o bastante para diminuir os casos de alta velocidade.

"Infelizmente muitos brincam com sua vida e a dos outros quando correm demais com o veículo e o trabalho de prevenção não estava sendo o suficiente, por isso, a repressão neste momento para reacender este alerta", conta.

Quem extrapola acima de 20% da velocidade máxima permitida na via comete multa gravíssima. Os valores a serem pagos variam conforme a velocidade praticada. Trafegar na via com limite como o da BR-463, acima de 146 km/h causa suspensão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) por um ano.




Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUUU!!
Susana Werner posa de biquíni fio e rende elogios no Instagram
AUDIÊNCIA
Gestores cobram da União percentual fixo para gastos com saúde
DOURADOS
Pais são homenageados pelo grupo ABV
EDUCAÇÃO
Simpósio de Cirurgia Plástica será realizado em Dourados
MEIO AMBIENTE
Onça-pintada resgatada recebe tratamento em universidade de MS
ELEIÇÕES 2018
Amôedo registra e já são seis candidatos à presidência oficializados no TSE
RIBAS DO RIO PARDO
Polícia faz operação contra revendas clandestinas de botijões
BRASIL
Governo e concessionárias discutem relicitação no setor de transportes
MS-376
Motorista perde controle e carreta cai em ribanceira
SECURA
Após dias chuvosos, umidade do ar volta a baixar e bate 25% em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Homem encontrado morto em obra estava desaparecido desde sexta-feira
DOURADOS
Homem é encontrado morto em obra com as mãos e pés amarrados
DOURADOS
Rapaz foi morto com duas facadas no pescoço
DOURADOS
Corpo é encontrado no Jardim Carisma