Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Caixa recebe até hoje propostas para leilão de imóveis

16 janeiro 2004 - 11h54

Hoje é o último dia do prazo estipulado pela CEF (Caixa Econômica Federal) par ao recebimento de propostas de compra de imóveis retomados pela instituição financeira. Segundo as informações oficiais, são 130 unidades, a maioria ocupada, em dez municípios de Mato Grosso do Sul, sendo 112 residências e 14 apartamentos. A CEF orienta que as propostas sejam entregues em qualquer agência do Estado, visando concorrer a imóveis em Aquidauana, Bela Vista, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Ponta Porã, Rio Verde e Terenos. O comprador pode fazer proposta para financiar o bem após análise cadastral. Para efetuar a desocupação, a Caixa firmou convênio com o Creci (Conselho Regional de Corretores de Imóveis), que intermedia a compra. Mais informações no site da CEF, que é o www.caixa.gov.br .  

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Juíza busca parceria para ampliação do Família Acolhedora
DÁ TEMPO
Ainda não decidiu para onde ir no Carnaval? MS tem opção para todos os gostos
CIRCUITO DE SEGURANÇA
Polícia divulga imagens de penitenciária da fronteira em noite de 'fuga em massa'
BRASIL
Corpo do ex-PM Adriano é liberado para sepultamento após segundo exame
IMUNIZAÇÃO
Campanha de vacinação contra o sarampo segue até março
INTERIOR
Após perseguição, traficante abandona carro com 850kg de maconha em matagal
SEGURANÇA PÚBLICA
PM inicia operações para inibir crimes durante Carnaval em MS
REGIÃO
Jiboia de três metros é encontrada por trabalhadores em posto fiscal
ECONOMIA
Ipea prevê crescimento maior do PIB do setor agropecuário
FRONTEIRA
Nove dias depois após morte de Leo Veras, jornalista paraguaio recebe ameaças

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia