Menu
Busca quarta, 17 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Buscas por assassino de criança continuam em Aquidauana

12 dezembro 2003 - 10h46

As polícias de Aquidauana continuam com equipes efetuando buscas na tentativa de identificar e prender quem matou Mayara Brito Neves, de três anos, que também foi violentada. Ontem, havia informações de que um homem teria estado onde o corpo da criança foi encontrado, o que levou uma multidão ao local.O tenente Marcelo Santos do Amaral explicou pessoas foram ao local armadas de facão, criando um clima tenso. Ao mesmo em que efetuavam buscas, policiais procuravam conter os ânimos dos populares. Policiais civis, militares e até ambientais atuaram em uma varredura no local, região de margem de um córrego, onde há brejo e matagal. O militar explicou que quando anoiteceu, aos poucos as pessoas deixaram o local. Policiais atuaram até de madrugada e hoje há equipes fazendo buscas nas áreas urbana e rural.A criança desapareceu na noite de terça-feira e o corpo foi encontrado anteontem e sepultado ontem.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio
Geada não afeta estimativa de produtividade e milho deve ter safra recorde em MS
A DONA DO PEDAÇO
Chiclete descobre bomba sobre Vivi
JULHO AMARELO
Saúde desenvolve campanha sobre IST e Hepatites Virais em Dourados
SIDROLÂNDIA
Guarda noturno atira contra homem e o fere na boca e costas
FRONTEIRA
Veículo furtado que seria trocado por droga no Paraguai é recuperado
JUSTIÇA
Corretor é condenado a repassar R$ 45 mil de comissão de corretagem
DOURADOS
Homem é preso tentando furtar envelope com R$ 3,8 mil de cliente de banco
Iluminação Pública
Mesmo com cobrança suspensa, prefeitura prevê R$ 18 milhões com Cosip em 2020
BRASIL
PIB recua 0,8% no trimestre encerrado em maio, diz FGV
DEBATE
Audiência no dia 22 trata de projeto que extingue cargos indígenas

Mais Lidas

DOURADOS
Coordenadora de Ceim é exonerada e pais fazem abaixo-assinado para tentar mantê-la
POLÍCIA
Investigação vê indícios de relação entre homicídios no Jardim Pantanal e Guanabara
DOURADOS
Assassinado em conveniência já cumpriu pena por tráfico e lavagem de dinheiro
DOURADOS
Upiran entrega carta de demissão a Délia e aguarda substituto para deixar Educação