Menu
Busca sábado, 26 de maio de 2018
(67) 9860-3221
IMOBILIÁRIA CONTINENTAL (BANNER 1 TOPO)

Wolf Maia é condenado por racismo

09 junho 2011 - 18h26

O técnico em iluminação Denivaldo Pereira da Silva teve sentença favorável contra o diretor e ator Wolf Maia proferida na última sexta-feira, 2, pela 2ª Vara Criminal de Campinas. Maia foi condenado por injúria racial e sua pena é o pagamento de 20 salários mínimos mais prestação de serviços comunitários por cerca de dois anos.

Denivaldo trabalhava em uma empresa terceirizada em colaboração com a equipe de Wolf Maia na peça "Relax...It's sex...", quando o canhoneiro de luz faltou, conta o advogado de defesa Sinvaldo José Firmo.

Após o término do espetáculo, Maia teria feito uma reunião com todos que trabalharam na peça, com críticas aos que trabalharam na ocasião. Maia teria dito: "...o som é uma merda, a iluminadora não tem sensibilidade e ainda me colocaram um preto fedorento que saiu do esgoto com Mal de Parkinson, para operar o canhão de luz...", segundo a sentença.

O advogado de Maia, João Carlos de Lima Junior, disse que já recorreu da decisão e agora apela ao Tribunal de Justiça (TJ) de São Paulo. "Com certeza a decisão será revertida no Tribunal", disse Lima Junior. Ele afirmou ainda que seu cliente é uma pessoa pública, amplamente conhecida pela sociedade em mais de 30 anos de vida pública e "jamais faria uma coisa dessas."

A peça foi encenada em 2000, em Campinas. Em um primeiro momento, a 6º Vara Cível da cidade julgou improcedente o caso, por considerar não haver provas suficientes. A defesa de Denivaldo apelou ao TJ que, em 2004, determinou que o juiz aceitasse a denúncia.

De acordo com o advogado de defesa de Denivaldo, o técnico não conseguiu emprego na área depois do ocorrido e precisou passar por tratamento psicológico. "Ninguém mais queria contratá-lo porque ele estava mexendo com uma pessoa famosa. Ele ficou muito mal". "A justiça foi feita", concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
De topless, Bruna Marquezine deixa tatuagem a mostra em foto
11 PAÍSES
Festival América do Sul Pantanal movimenta Corumbá até domingo
JUSTIÇA
Empresa de TV por assinatura é condenada por cobrar valor indevido
COSTA RICA
Bombeiro salva bebê engasgado orientando a mãe através do telefone
FUTEBOL
Lista de 35 de Tite para a Copa tem três novatos: Dedé, Maicon e Paquetá
PRESO
OAB caça registro de ex-juiz condenado por tentar matar magistrado
CAMINHONEIROS
Greve faz TRT/MS adiar prova do processo seletivo de estagiários
CASO DOROTHY STANG
Ministro do STF manda soltar fazendeiro condenado em 2ª instância
BANDEIRA VERMELHA
Bandeira tarifária ficará no patamar mais alto em junho, diz Aneel
ECONOMIA
Parceria garante indústria de fertilizantes para Rio Brilhante

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é preso revendendo gasolina em lava-rápido
R$ 6,50 O LITRO
Preso vendendo gasolina em lava-rápido responderá por crime ambiental
PROTESTOS
Temer autoriza uso de forças federais para desbloquear rodovias
DOURADOS
Dupla invade contramão, rouba jovem e acaba presa