Menu
Busca quinta, 19 de abril de 2018
(67) 9860-3221

Volta ao Senado projeto que endurece combate ao crime organizado

07 dezembro 2012 - 15h45

DEPOIS DE APROVADO PELA CÂMARA DOS DEPUTADOS, RETORNOU AO SENADO FEDERAL O PROJETO QUE ENDURECE E ATUALIZA O COMBATE AO CRIME ORGANIZADO.

LOC: O TEXTO FOI APRESENTADO PELA EX-SENADORA SERYS SLHESSARENKO, DO PT DE MATO GROSSO, E TEM COMO OBJETIVO ADOTAR UMA LEGISLAÇÃO GERAL DE COMBATE AOS CRIMINOSOS. REPORTER SERGIO VIEIRA.

TÉC: Pelo projeto qualquer pessoa que for descoberta fazendo parte de alguma organização deste tipo poderá pegar até 8 anos de prisão, além de pagar uma multa a ser determinada pela Justiça. E esta pena poderá aumentar em mais 4 anos se em algum momento esta organização tiver feito o uso de armas de fogo em suas ações e em mais 5 anos e meio se tiver utilizado menores de idade ou funcionários públicos na prática de crimes. Este projeto também determina que o funcionário público, além de ser preso e perder seu cargo, não poderá ocupar qualquer outro cargo público nos 8 anos seguintes após sair da prisão. O texto também quebra o sigilo, em qualquer fase da investigação, para a captação de sinais eletromagnéticos, ópticos e acústicos, o acesso às ligações telefônicas e aos bancos de dados públicos e privados dos investigados por parte dos investigadores. O senador Eunício Oliveira do PMDB do Ceará apóia o endurecimento do combate ao crime organizado no país.

(EUNÍCIO OLIVEIRA): Porque há em todos nós aqui, no semblante de cada um a convicção de que há uma angústia, um verdadeiro desespero até da sociedade brasileira na busca do combate verdadeiro a esta questão, digo até mais além, do direito de ir e vir que as pessoas perderam com o tamanho da violência que grassa infelizmente no Brasil.

(REP): O projeto também determina que o membro de alguma organização criminosa que colaborar nas investigações poderá ter sua pena reduzida em até dois terços. O projeto voltou para o Senado por ter sido modificado na Câmara. Se for aprovado mais uma vez, poderá seguir para a sanção da presidente Dilma Roussef.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANASTÁCIO
10 ficam feridos após reboque de caminhonete se soltar e atingir van
LÍNGUA
UEMS oferece curso gratuito de Inglês em Dourados e Campo Grande
SOLENIDADE
Brigada Guaicurus de Dourados realiza Formatura do Dia do Exército
INFLUENZA
Gripe H3N2 faz segunda vítima do ano em MS
RIGOR
Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado
PRAZO
Inscrições para seleção de estagiário do TRE/MS terminam hoje
APARECIDA DO TABOADO
Corpo de jovem de 21 anos é encontrado boiando em rio
TEMPO
Quinta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
SHOWBIZ
Thaila Ayala aprecia a natureza de biquíni em cima de uma pedra
IMUNIZAÇÃO
Campanha de vacinação contra gripe começa na proxima segunda-feira

Mais Lidas

ITAPORÃ
Mortos em troca de tiros após assalto eram de Dourados
SEGURANÇA PÚBLICA
Em comunicado, PCC convoca integrantes para “alerta geral”
DOURADOS
Após invadir Ceim, dupla ameaça vigia de morte e rouba equipamentos
TENSÃO EM MS
Presos tentam impedir pente-fino na PED, mas agentes fazem ‘limpa’