Menu
Busca sábado, 16 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Vítima de chimpanzé recebe transplante facial completo nos EUA

12 junho 2011 - 10h42

Uma mulher de Connecticut, atacada por um chimpanzé, recebeu um rosto novo em transplante realizado nos EUA. Ela está ansiosa para sair em público e comer cachorro-quente e pizza, depois de meses se alimentando de comidas pastosas.

Charla Nash, 57 anos, passou por um transplante facial completo e outro de duas mãos no mês passado, mas elas não prosperaram devido a complicações e foram retiradas, segundo Bohdan Pomahac, cirurgião que liderou os procedimentos no Hospital Brigham and Women's, em Boston.

Em fevereiro de 2009, a americana foi atacada por um chimpanzé de estimação de uma vizinha, de 90 kg e chamado Travis, que ficou furioso depois que sua proprietária pediu a Nash para ajudar a atraí-lo de volta para casa, em Stamford, Connecticut. O animal arrancou as mãos da mulher, além do nariz, lábios e pálpebras, antes de ser baleado e morto pela polícia.

Após a agressão, Nash ficou sem olhos e tinha apenas uma pequena abertura ao invés da boca, para ingerir alimentos pastosos. Ela conseguia falar, mas era pouco compreensível.

Dois anos mais tarde, a mulher recebeu pele, músculos, vasos sanguíneos, nervos, palato e dentes de uma pessoa morta, cuja identidade não foi revelada. Foi o terceiro transplante facial completo feito nos EUA

Nos próximos meses, ela deve desenvolver mais controle sobre os músculos faciais e mais sensibilidade, permitindo que respire pelo nariz e desenvolva o senso de cheiro. Nash continua cego.

Ela não apareceu na conferência de imprensa do hospital nesta sexta-feira, e não foram divulgadas fotografias após a cirurgia.

Agora a americana pode sair em público sem se sentir mal, disse Pomahac. Ela teve que faltar à formatura de sua única filha há alguns meses, pois estava preocupada se seria o centro das atenções.

Seu irmão, Steve Nash disse que ela quer desfrutar de cachorro-quente e uma fatia de pizza do seu restaurante favorito, onde passou a infância.

Cerca de uma dúzia de transplantes de rosto já foram realizados no mundo todo, nos EUA, na França, na Espanha e na China.

Os dois últimos procedimentos faciais completos foram feitos nos EUA, no Hospital Brigham and Women's. Os militares norte-americanos deram ao hospital de Boston uma concessão por cinco transplantes de rosto, na esperança de que as operações possam eventualmente beneficiar soldados desfigurados em batalhas.

Esta foi primeira tentativa de transplante de mão do hospital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Durante operação, contrabandistas são presos com mercadorias do Paraguai
REFORMA
Senado pode concluir na terça a votação da PEC Paralela da Previdência
POLÍCIA
Homem tenta reagir a assalto, mas perde mochila com livros, dinheiro e celular
SAÚDE
Um em cada seis homens tem câncer de próstata no Brasil, alerta Inca
VELOCIDADE
Verstappen conquista a pole para o GP Brasil de F-1; Vettel é segundo
PORTO MURTINHO
Velório é interrompido e corpo de menina afogada recolhido para perícia
POLÍCIA
Assaltante armado pula na frente de bicicleta para roubar celular na Via Parque
FUTEBOL
Clássico entre Santos e São Paulo abre hoje a 33ª rodada do Brasileirão
DOURADOS
Idoso é fechado por criminosos na Marcelino, é derrubado e tem moto ‘zero km’ roubada
ESPORTES
Tiro prático do Eco Pantanal Extremo bate recorde de inscrições

Mais Lidas

MARACAJU
Homem tenta fugir da polícia, capota carro com quase 1t de maconha e morre
DOURADOS
Vítima persegue suspeitos e homem é preso acusado de furto
INFORME PUBLICITÁRIO
‘Senhoritta’ terá feijoada na telha para 4 pessoas com chopp e caipirinha em dobro no feriado
CAMPO GRANDE
Mulheres fecham terminal e Guarda Municipal usa spray de pimenta para conter protesto