Menu
Busca domingo, 23 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Vander permanece em Brasília e consegue recursos para MS

29 dezembro 2003 - 16h53

Mesmo com o Congresso Nacional em pleno recesso, o deputado federal Vander Loubet (PT-MS) não interrompeu suas atividades em busca de recursos para Mato Grosso do Sul. Depois de percorrer diversos organismos federais ele conseguiu, nesta segunda-feira, 29, junto aos ministérios da Saúde, Cidades e Integração Nacional, empenhar verbas constantes do Orçamento Geral da União de 2003, propostas por emendas da bancada na legislatura anterior. No total, são R$ 22 milhões 853 mil 133 reais que estavam engasgados nas planilhas orçamentárias de Brasília e que agora foram empenhados para liberação, de acordo com o resultado de encontros realizados hoje entre o deputado e autoridades ministeriais credenciadas, entre as quais Duncan Franklin Semple, coordenador de Orçamento do Ministério da Saúde, e Sílvio Arthur Pereira, assessor parlamentar do Ministério das Cidades. Vander estava acompanhado do chefe do Escritório de Mato Grosso do Sul em Brasília, Raufi Marques.Para a construção de 842 casas populares em 31 municípios, estão assegurados R$ 9 milhões 369 mil 133. Também junto ao Ministério das Cidades estão incluídas as dotações para infraestrutura urbana em Jardim (R$ 140 mil), Sidrolândia (R$ 140 mil), Miranda (R$ 270 mil), Sonora (R$ 270 mil), Maracaju (R$ 180 mil) e Coxim (R$ 200 mil).O Ministério da Integração garantiu R$ 924 mil para obras de irrigação no Distrito de Cultura, em Fátima do Sul. O empreendimento dependia da liberação do termo de adequação do projeto para conclusão das obras, providência já consolidada, explicou Vander. O Ministério da Saúde carimbou R$ 1 milhão para o Hospital de Fátima do Sul e a Funasa mais R$ 4 milhões 046 mil 402 reais (dos quais R$ 2 milhões 135 mil 733 reais já empenhados) para saneamento básico em 19 municípios (Angélica, Bela Vista, Bodoquena, Caarapó, Camapuã, Caracol, Corumbá, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Fátima do Sul, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Japorã, Mundo Novo, Nioaque, Nova Andradina, Pedro Gomes, Tacuru e Porto Murtinho).Em outro item orçamentário (o de saneamento funcional programático), o deputado Vander Loubet conseguiu ainda confirmar junto ao Ministério das Cidades mais uma dotação de recursos que estava travado em Brasília. São R$ 8 milhões 225 mil, também do Orçamento Geral da União para 2003. O dinheiro será utilizado na implantação de serviços de saneamento básico em municípios com população de até 75 mil habitantes, Nesse contexto, estão contempladas 25 cidades sulmatogrossenses: Alcinópolis, Antônio João, Bodoquena, Camapuã, Cassilândia, Coxim, Paranaíba, Jardim, Carrapó, Maracaju, Chapadão do Sul, Costa Rica, Juti, Eldorado, Nova Andradina, Tacuru, São Gabriel d´Oeste, Porto Murtinho, Caracol, Dois Irmãos do Buriti, Ponta Porã, Naviraí, Miranda, Guia Lopes da Laguna e Fátima do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Síndrome metabólica em adolescentes é tema de pesquisa da Capes
DOURADOS
Campanha sobre tuberculose e hanseníase será realizada em março
POLÍCIA
DOF flagra cinco com 400 quilos de contrabando em Dourados
BRASIL
Trabalho infantil aumenta 38% durante o carnaval; saiba como denunciar
STF
Liminar garante ao RS fixar contribuição previdenciária de militares sem sanções por parte da União
DOURADOS
Com ponto facultativo, sessão da Câmara foi antecipada
MS
Um dos pilares da ressocialização, a religião promove ambiente de fé em presídios
ESTADO
Judiciário de MS retomará expediente na quinta-feira
MUNDO
Cientistas descartam que novo vírus tenha origem em mercado em Wuhan
PORTE ILEGAL
Motociclistas são presos com espingardas na zona rural de Dourados

Mais Lidas

WEIMAR TORRES
Mulher morre após bater em carro que roletou avenida
JARDIM GUAICURUS
Jovem resgatada foge da UPA e tenta subir em torre mais uma vez
FÁTIMA DO SUL
Polícia prende homem que matou namorada a marteladas
FRONTEIRA
Suspeitos de matar jornalista são presos em operação