Menu
Busca domingo, 18 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
RECURSOS

TRF4 reduz pena de Gim Argello e de outros condenados na Lava Jato

07 novembro 2017 - 10h26Por Agência Brasil

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), com sede em Porto Alegre, reduziu nesta terça-feira, dia 07 de novembro, a pena do ex-senador Gim Argello (DF) na operação Lava Jato, de 19 anos para 11 anos e 8 meses de reclusão.

Argello foi condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, em outubro do ano passado, pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e obstrução das investigações.

Ao julgar o recurso do ex-senador, nesta terça-feira, os desembargadores do TRF4 entenderam que o crime de obstrução das investigações não estaria caracterizado por conta própria, sendo parte dos delitos de corrupção, motivo pelo qual retiraram a pena referente àquele crime.

Argello foi considerado culpado por pedir cerca de R$ 30 milhões às empreiteiras OAS e UTC Engenharia, dos quais ao menos R$ 5 milhões foram pagos, em troca de não convocar diretores das empresas para depor na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras, em 2014. O valor recebido, segundo a sentença de Moro, foi utilizado na campanha eleitoral do mesmo ano.

No mesmo julgamento de recursos, o TRF4 reduziu as penas do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS, de 8 anos e 2 meses para 5 anos e 6 meses. O empreiteiro Ricardo Pessoa teve a pena reduzida de 10 anos e 6 meses para 7 anos, enquanto a pena do diretor Walmir Pinheiro passou de 9 anos e 8 meses para 6 anos e 2 meses. Esses dois eram executivos da UTC Engenharia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONCURSOS
Ao menos 10 órgãos abrem as inscrições nesta segunda para 1,1 mil vagas
CORUMBÁ
Homem é preso acusado de estuprar vizinha de apenas seis anos
EDUCAÇÃO
Nota do Enem pode ser usada para ingresso em universidades portuguesas
DOURADOS
Polícia Civil registra dois assaltos praticados por dupla em moto
RURAL
Colheita da soja chega a 5,1% da área cultivada em Mato Grosso do Sul
CAMPO GRANDE
Trio é preso com 614 quilos de maconha que iria para Minas Gerais
DOENÇA
Preconceito e desinformação dificultam combate ao alcoolismo
MEIO AMBIENTE
Paranaense é autuado por entrar e navegar no Parque das Várzeas
FUTEBOL
Três jogos movimentam a rodada do Estadual neste domingo
PEDRO JUAN
Jovem desaparece e pode estar relacionado ao tráfico de pessoas

Mais Lidas

MARACAJU
Homem é assassinado brutalmente por adolescentes
SUL DE MS
Homem morre após fugir e capotar veículo carregado com maconha
RESGATE
Casal é encontrado com vida após 10h de sequestro na Capital
TRÁFICO
Mato-grossense é presa com maconha na rodoviária de Dourados