Menu
Busca quinta, 14 de novembro de 2019
(67) 9860-3221
RECURSOS

TRF4 reduz pena de Gim Argello e de outros condenados na Lava Jato

07 novembro 2017 - 10h26Por Agência Brasil

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), com sede em Porto Alegre, reduziu nesta terça-feira, dia 07 de novembro, a pena do ex-senador Gim Argello (DF) na operação Lava Jato, de 19 anos para 11 anos e 8 meses de reclusão.

Argello foi condenado em primeira instância pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, em outubro do ano passado, pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e obstrução das investigações.

Ao julgar o recurso do ex-senador, nesta terça-feira, os desembargadores do TRF4 entenderam que o crime de obstrução das investigações não estaria caracterizado por conta própria, sendo parte dos delitos de corrupção, motivo pelo qual retiraram a pena referente àquele crime.

Argello foi considerado culpado por pedir cerca de R$ 30 milhões às empreiteiras OAS e UTC Engenharia, dos quais ao menos R$ 5 milhões foram pagos, em troca de não convocar diretores das empresas para depor na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) da Petrobras, em 2014. O valor recebido, segundo a sentença de Moro, foi utilizado na campanha eleitoral do mesmo ano.

No mesmo julgamento de recursos, o TRF4 reduziu as penas do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS, de 8 anos e 2 meses para 5 anos e 6 meses. O empreiteiro Ricardo Pessoa teve a pena reduzida de 10 anos e 6 meses para 7 anos, enquanto a pena do diretor Walmir Pinheiro passou de 9 anos e 8 meses para 6 anos e 2 meses. Esses dois eram executivos da UTC Engenharia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
Homem é presa após ameaçar mulher de morte
PIB
Economia de Mato Grosso do Sul tem a 6ª maior taxa de crescimento no país
PESQUISA
Quase metade dos turistas que vem a MS estão dispostos a gastar mais de R$ 1 mil
INTERNACIONAL
Brasil entrega presidência do Brics e destaca trabalho em inovação
MATO GROSSO DO SUL
Projeto prevê autorização de venda de arma de fogo a servidor da Segurança Pública
JOGOS DA JUVENTUDE
Judô, handebol e basquete de MS buscam primeiras medalhas nos JEJ
NOVA ANDRADINA
Homem internado com sinais de espancamento morre em hospital
ASSEMBLEIA
Semana Estadual dos Direitos Humanos pode ser criada em MS
MATO GROSSO DO SUL
Publicada lei que anistia pequenas dívidas de ICMS e derruba imposto para casas populares
SAÚDE PÚBLICA
Brasil lança primeira campanha para prevenir obesidade infantil

Mais Lidas

DOURADOS
Encontrado morto na PED dividia cela com 18 internos em ala comandada por facção
TRÂNSITO
Bêbado invade preferencial e deixa família ferida em Dourados
ENCOMENDADA
Quadrilha desarticulada tinha ordem de facção para roubar seis motos em Dourados
PURIFICAÇÃO
Preso, ex-secretário de Saúde é exonerado do cargo de coordenador do Samu