Menu
Busca segunda, 24 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
TELEFONIA

Telefônica conclui compra da GVT por aproximadamente R$ 15 bilhões

28 maio 2015 - 19h45

Da Redação

A Telefônica Brasil S.A concluiu hoje (28) a compra da GVT, ao aprovar em Assembleia Geral Extraordinária a ratificação do contrato de compra e venda com a Vivendi, encerrando assim um processo iniciado em setembro do ano passado. A empresa pagou, conforme previsto, parte do valor total, equivalente a € 4,663 bilhões - em torno de R$ 15 bilhões - (incluindo assunção de dívida) em recursos financeiros levantados por meio de aumento de capital, e parte em emissão de ações da nova companhia representativas de 12% do capital social da empresa.

Além disso, a Assembleia Geral Extraordinária da companhia elegeu Amos Genish para liderar o processo de integração das duas companhias, como novo diretor presidente da empresa, além de tornar-se membro do Conselho de Administração.

Após o acordo firmado entre Vivendi e Telefónica, em setembro, o processo de compra da GVT foi submetido à Anatel, que concedeu anuência ao negócio em dezembro, e também ao CADE - Conselho Administrativo de Defesa Econômica, que deu sua autorização para a integração em março último.

A conclusão da aquisição dá início a uma nova etapa da operação da Telefônica no Brasil. Com mais de 105 milhões de acessos, a companhia é, agora, líder do mercado em quantidade de clientes, em receitas e rentabilidade, e com perfil de cliente de alto valor. A operação permite ainda à empresa reforçar seu posicionamento em um mercado-chave e melhorar seu perfil de crescimento e rentabilidade.

Com foco no crescimento sustentável e na qualidade da prestação de serviços, a Telefônica Vivo surge com liderança absoluta no segmento móvel e de ultra banda larga fixa, apoiada na melhor infraestrutura de rede e num portfólio inovador que a consolida como Telco Digital. Além disso, a empresa se torna ainda mais relevante no mercado de TV por assinatura, entregando uma experiência diferenciada em TV de alta definição, combinada a conteúdos sob demanda, aplicativos interativos e conteúdo em múltiplos dispositivos.

A complementaridade de operação é a marca da união entre Vivo e GVT. Enquanto a Vivo possui a maior rede nacional móvel de 3G, presente em mais de 3,2 mil municípios, e de 4G (com140 cidades cobertas), a GVT tem uma extensa rede de fibra ótica em 156 cidades de 20 estados, mais o Distrito Federal.

Com a conclusão do negócio, frentes de trabalho serão organizadas com o objetivo de identificar as melhores práticas, as oportunidades de negócio e o leque de possibilidades que se abre para a empresa que surge a partir de hoje.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Luisa Sonza relata críticas após procedimento: 'Acharam feio'
MEDIDA
ANP vai fazer consulta para substituir GNL importado por gás doméstico
LADÁRIO
Três pessoas ficam feridas em capotagem de carro
INVESTIGAÇÃO
Polícia Federal reforça versão de que agressor de Bolsonaro atuou sozinho
CAPITAL
Carreta tomba com 27 toneladas de agrotóxico
POLÍTICA
Temer viaja a Nova York para participar da Assembleia Geral da ONU; Toffoli assume Presidência
PONTA PORÃ
PM recebe solicitação por desentendimento familiar e captura foragido
CAPITAL
Homem é encontrado morto com tiro na cabeça
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 42kg de maconha e skank após fuga de condutor
BRASIL
Multas por uso de celular ao volante crescem 33% em 2018

Mais Lidas

DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
TEMPORAL
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital
POLÍCIA
Homem sofre tentativa de homicídio em Dourados