Menu
Busca terça, 18 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

Seguradoras propõem ao governo seguro contra desastres naturais

30 dezembro 2012 - 14h02

O mercado de seguros privados nacional colocou-se à disposição do governo federal para ajudar a montar um seguro anticatástrofe no País. A informação é do presidente da Confederação Nacional das Empresas de Seguros (CNseg), Jorge Hilário Gouvêa Vieira. "Não é possível o governo arcar sozinho com a responsabilidade de indenizar flagelados da seca ou gente que teve suas propriedades destruídas pelas enchentes e deslizamentos que tivemos nos últimos tempos", disse.

Segundo Gouvêa Vieira, o mercado está à disposição do governo "para mitigar esse custo do Tesouro (Nacional), para ajudar na prevenção do risco e também na cobertura". Para ele, dessa forma, também o povo brasileiro terá um custo menor.

Dados da CNseg mostram que cerca de mil pessoas morreram em consequência de deslizamentos e enchentes no país no ano passado. As perdas materiais totalizaram R$ 1,6 bilhão e as perdas seguradas, cerca de R$ 90 milhões.

A enchente da região serrana fluminense foi a terceira maior catástrofe natural, em número de mortes, registrada em 2011 no mundo, perdendo apenas para o terremoto seguido de tsunami no Japão, em março, com mais de 20 mil mortos, e para as tempestades tropicais nas Filipinas, no final do ano.

De acordo com estudo recente do Lloyd's de Londres, o Brasil enfrenta um déficit de seguro anualizado de US$ 12,68 bilhões. Isso representa riscos para o País, "incluindo um ônus desnecessário cobrado do Estado e um custo mais alto de recuperação após desastres", mostra o estudo.

Para a CNseg , isso significa que em países com um baixo nível de seguros, o Estado arca com uma proporção excessiva do custo das catástrofes naturais. Segundo a entidade, um aumento de 1% no alcance dos seguros em um país pode reduzir a responsabilidade do Estado em até 22%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Mulher flagra vizinho a olhando trocar de roupa e caso vai parar na delegacia
PALESTRA
Ministro do STF vem a MS e fala sobre 30 anos da Constituição Cidadã
SANTA CATARINA
Confira cinco dicas do que fazer em Praia Grande
PRAZO
Agricultores familiares têm até quinta-feira para enviar projetos à Aeronáutica
HOMENS
Modelos de blazer masculino: tudo o que você precisa saber!
INTERNACIONAL
Temer participa em Montevidéu da Cúpula do Mercosul
PESQUISA ANP
Preço médio da gasolina volta a cair em Dourados
COMER BEM
Quibe de forno, recheado rende 12 porções e fica pronto em 40 minutos
DOURADOS
Com quase R$ 3,5 milhões arrecadados, prazo para adesão ao Refis termina na sexta
DÉCOR DO DIA
Quarto infantil tem parede bicolor e ganha painel de madeira

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem faz desabafo sobre a morte do pai em confronto: “lamento por você ter escolhido esse caminho”
DOURADOS
“Batida” acaba com festa lotada de menores e regada a bebida alcoólica
DOURADOS
Délia exonera cinco secretários de uma só vez e inicia reforma administrativa
POLÍCIA
Jovem é baleada em tentativa de assalto em Dourados