Menu
Busca terça, 22 de maio de 2018
(67) 9860-3221
BANNER CORPAL TOPO SITE

Rússia veta importação de carne de 89 empresas nacionais

02 junho 2011 - 18h38

A Rússia anunciou nesta quinta-feira que, a partir do próximo dia 15, estarão proibidas as importações de carne e produtos derivados de 89 empresas sediadas em três estados brasileiros: Mato Grosso, Rio Grande do Sul e Paraná.

"Com esta decisão, expressamos nossa desconfiança com relação aos serviços veterinários destes estados, que não puderam garantir o cumprimento dos requisitos", afirmou Alexéi Alexéyenko, porta-voz da Inspeção Sanitária Agrícola da Rússia (Isar).

A inspeção realizada este ano no Brasil revelou várias deficiências no funcionamento dos serviços veterinários do país sul-americano, apontou Alexéyenko em declarações à agência "Interfax".
Segundo Alexéyenko, da forma como está estabelecido o programa de controle veterinário vigente no Brasil, são poucas as mostras de carne submetidas a testes. Por isso, os russos afirmam que não se pode garantir a qualidade de toda a produção procedente do Brasil.

O governo russo ainda afirma que as empresas sancionadas não realizaram nos últimos três anos comprovações da presença de mercúrio, praguicidas e dioxinas em sua produção. Alexéyenko acrescentou que mais de 260 carregamentos de carne desses produtores continham parasitas e bactérias de diferentes tipos.

Atualmente, o Brasil é um dos principais provedores de carne à Rússia, com 35% das importações de carne de porco, 45% da bovina e 19% da carne de aves, segundo os dados do Instituto de Marketing Agrícola de Rússia. Antes de a proibição ser ditada, havia 236 empresas brasileiras exportando carne à Rússia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BOLSA FAMÍLIA
Prefeita determina força-tarefa para ampliar cobertura do benefício na aldeia
RODOVIAS DE MS
Bloqueio de caminhoneiros tem promessa de ‘virar a noite’ em Dourados
ECONOMIA
Junho deve ter bandeira tarifária amarela, prevê diretor da Aneel
CAPITAL
Homem morre após colidir moto em carreta na BR-262
PRODUTOS QUÍMICOS
Protocolo para casos emergenciais de poluição será criado em MS
PROTESTO
Servidores da UFMS param amanhã na Capital e interior
NEGÓCIOS
Leilão Ribalta movimenta mais de R$ 2 milhões na Expoagro
IMUNIZAÇÃO
MS tem apenas 48% do público-alvo vacinado contra a gripe
ASSEMBLEIA
Uso de nome afetivo em cadastros às crianças adotadas é aprovado
CAMPO GRANDE
Procon encontra mais de 150 produtos adulterados e gerente de supermercado é presa

Mais Lidas

FLAGRANTE
Policial aposentado é preso com cocaína em Dourados
CAPITAL
Criança morre em acidente com moto pilotada pelo avô
JARDIM PANTANAL
Homem é baleado após ser cercado por grupo
DOURADOS
Postos da Seleta, Santo André e Vila Rosa terão atendimento reduzido