Menu
Busca segunda, 21 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
BENEFÍCIO

Registro de frequência escolar do Bolsa Família começa neste domingo

01 outubro 2017 - 07h29

O Sistema de Acompanhamento da Frequência Escolar do Bolsa Família (Sistema Presença), que acompanha mais de 15,2 milhões de estudantes beneficiários do programa em todo o Brasil, será aberto neste domingo, dia 1º de outubro.

No sistema, os profissionais da educação devem registrar a frequência escolar das crianças e adolescentes, na faixa de seis a 17 anos. A impressão dos formulários já está disponível no sistema. O prazo desta etapa de registro será encerrado no dia 30 de outubro.

O acompanhamento é realizado em cinco períodos bimestrais ao longo do ano. À frente desse trabalho, o Ministério da Educação atua em parceria com cerca de 50 mil coordenadores municipais e estaduais, além de auxiliares da área educacional. 

Uma das condicionalidades do Bolsa Família é justamente a frequência escolar das crianças e dos adolescentes beneficiários. O objetivo é que o poder público possa atuar para garantir os direitos básicos – como a educação – às famílias que estão em situação de maior vulnerabilidade. E a ausência da escola é indício dessa condição.

"O acompanhamento tem como principal objetivo combater o abandono e a evasão escolar e, dessa forma, contribuir para a permanência e progressão dos estudos na idade apropriada de crianças e adolescentes de seis a 17 anos", reforça a coordenadora-geral de Acompanhamento da Inclusão Escolar do MEC, Simone Medeiros. O percentual mínimo é de 85% de frequência para quem tem entre seis a 15 anos e de 75% para jovens de 16 e 17 anos.

Presença

Um dos melhores índices de acompanhamento da frequência escolar de crianças e adolescentes cadastradas no Bolsa Família, na faixa de seis a 17 anos, foi registrado pelo Ministério da Educação entre junho e julho deste ano, quando o Sistema Presença contabilizou a frequência de 87,47% dos estudantes beneficiários do programa.

É o segundo maior percentual, referente ao período abordado, desde que a frequência escolar começou a ser acompanhada, em 2007. Apenas no mesmo bimestre de 2014 esse índice foi maior, chegando a 88,61%.

Uma das condicionalidades para receber o Bolsa Família é que crianças e adolescentes beneficiários comprovem frequência na sala de aula. O percentual mínimo é de 85% de frequência para quem tem entre seis e 15 anos e de 75% para jovens de 16 e 17 anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
UEMS abre inscrições para seleção de professores temporários
PARANAÍBA
PMA fecha lava-jato que funcionava em desacordo com a licença
RURAL
Plantio da safra de soja está atrasado em Mato Grosso do Sul
INTERNACIONAL
Resultado preliminar na Bolívia indica 2º turno entre Morales e Mesa
CASSILÂNDIA
Paulista é multado em R$ 64 mil por deixar 128 cabeças de gado sem alimento
UEMS
Semana Técnica de Computação começa nesta segunda em Dourados
CHAPADÃO DI SUL
Motociclista de 29 anos morre após acidente entre moto e caminhonete
TEMPO
Segunda-feira nublada com possibilidade de chuva em Dourados
Tecnologia
Visual Informática promove ações de conscientização no mês da Segurança da Informação
Saúde e bem-estar
Cuidados com a pele.

Mais Lidas

MS-141
Acidente entre Ivinhema e Angélica envolve dois veículos
TRÁFICO DE DROGAS
Perseguição no aeroporto da capital termina com homem preso após tentar tomar arma de PF
CONTRABANDO
Comboio é flagrado com contrabando de essência para narguilé a roupas íntimas
FOI PRESO
Motorista bêbado faz algazarra e policiais descobrem carro roubado