Menu
Busca sábado, 22 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Quenianos fazem dobradinha e dominam São Silvestre pela 8ª vez

31 dezembro 2012 - 09h50

Na primeira Corrida de São Silvestre realizada de manhã, o resultado não teve surpresas. Como era esperado, os corredores quenianos dominaram a prova. Foi a oitava vez na história que o Quênia conseguiu uma dobradinha no masculino e no feminino.

A queniana Maurine Kipchumba, de 24 anos, foi a vencedora da prova feminina, com o tempo extraoficial de 51min44s. Ela já havia vencido também a Volta Internacional da Pampulha. Jackline Sakilu, da Tanzânia, foi a segunda colocada e a queniana Rumokol Chepkanan ficou com o terceiro lugar. A brasileira Tatiele Carvalho foi a melhor do país, em sexto.

No masculino, a prova também teve amplo domínio dos africanos, e o queniano Edwin Kipsang venceu com folga, em 44min06s. O brasileiro Giovani dos Santos chegou em quarto lugar, atrás do etíope Joseph Aperumoi, vice-campeão, e o queniano Mark Korir, terceiro colocado.

A largada da elite feminina aconteceu às 8h40 de Brasília, e teve a brasileira Marily tomando a dianteira no terceiro quilômetro. Ela forçou o ritmo na descida da rua Major Natanael e disparou na avenida Pacaembu. Mas não conseguiu manter o ritmo e acabou ficando para trás do pelotão liderado pelas quenianas Nacy Kipron e Rumokol Chepkanan.

Às 9 horas, foi a vez da largada do restante dos competidores. O brasileiro Reginaldo José da Silva disparou na frente. Mas, já no começo da descida, foi ultrapassado por Giomar Pereira da Silva. Após o Pacaembu, pelotão encabeçado pelos quenianos Mark Korir e Edwin Kipsang e o etíope Joseph Aperumoi tomou a frente.

No feminino, na altura do décimo quilômetro, a queniana Maurine Kipchumba assumiu a liderança, seguida da tanzaniana Jackline Sakilu. A partir daí, a queniana só aumentou a vantagem e terminou a prova em primeiro lugar, com um tempo três minutos mais lento que o da vencedora do ano passado, a compatriota Jeptoo Priscah.

Enquanto isso, o queniano Edwin Kipsang se desgarrava do pelotão e deixava Mark Korir para trás para se sagrar o campeão da São Silvestre e levar um prêmio de R$ 50 mil. Foi a 15ª vitória do Quênia na prova masculina da São Silvestre.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Mulher é presa com carregador e 20 chips nas partes intimas em presídio
TEMPO
Primavera começa hoje com possibilidade de novo episódio do El Niño
MEIO AMBIENTE
Mineradora é autuada e fechada por extração ilegal de areia
ELEIÇÕES 2018
A partir de hoje, candidatos só podem ser presos em flagrante
DOURADOS
Jovem foi espancada até a morte no Pelicano
CORUMBÁ
Cavalos em rodovia causam acidente e deixam duas pessoa mortas
DOURADOS
Jovem é encontrada morta no Jardim Pelicano
EMPREGO
20 empresa estão com inscrições abertas para trainee; veja lista
ESPORTE
Sediado em Dourados, festival paralímpico fortalece inclusão e superação de limites
PORTE
Jovem é preso com armas e maconha que seriam levados para Goiás

Mais Lidas

DIOCLÉCIO ARTUZI
Polícia divulga imagens de criança de 1 ano desaparecida em Dourados
DOURADOS
Criança de 1 ano desaparece de dentro de casa no Dioclécio Artuzi
OPERAÇÃO NEPSIS
Ação conjunta prende cinco Policiais Rodoviários Federais em MS
OPERAÇÃO NEPSIS
Ação cumpre mandados de prisão contra suspeitos de contrabando