Menu
Busca sexta, 25 de maio de 2018
(67) 9860-3221
SICREDI

Professora faz sexo com 5 estudantes em 2 meses e é presa

18 maio 2011 - 11h52

Uma professora foi presa na segunda-feira (16) em Kennedale, no estado do Texas (EUA), acusada de manter relações sexuais com cinco estudantes maiores de idade entre abril e maio de 2011, segundo reportagem da emissora de TV "Fox".

Brittni Colleps, de 27 anos, começou a ser investigada depois que boatos sobre as aventuras sexuais da professora começaram a circular na escola. A direção da escola chamou a polícia. Ela foi detida por manter relações inapropriadas com os estudantes.

As leis locais proíbem os professores de ter relações sexuais com estudantes, não importa qual seja sua idade. Brittni Colleps foi levada para a cadeia e liberada depois de pagar uma fiança de US$ 125 mil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FERIADO
Prefeitura de Dourados decreta ponta facultativo na próxima sexta-feira
PARALISAÇÃO
Padilha confia em cumprimento de acordo por parte dos caminhoneiros
ESPORTES
Sul-mato-grossenses representam o país no Mundial de Canoagem
FUTEBOL
Série B do Brasileirão tem três jogos nesta sexta-feira
BRASIL
ANP publica medidas para garantir abastecimento de combustíveis
DOURADOS
Programa de atendimento a vítimas de violência sexual é implementado no HU
Batizada de Acalento, a iniciativa, em parceria com o Governo do Estado, proporciona que todos os atendimentos sejam feitos no hospital, desde a assistência à saúde até o Boletim de Ocorrência e as perícias
MANIFESTAÇÃO
Caminhoneiros mantêm paralisação em Dourados
JARDIM
Traficante abandona veículo com maconha e acaba preso após ação conjunta
LEGISLATIVO
Reuniões, solenidades e sessões plenárias são os destaques da semana
EDUCAÇÃO
IFMS vai ofertar 120 vagas em cursos superiores no segundo semestre pelo Sisu

Mais Lidas

GASOLINA A R$ 5
Contra abuso nos preços, força-tarefa autua postos em Dourados
DOURADOS
Fazendeiro que matou desafeto em cartório há oito anos é absolvido
TENTATIVA DE HOMICÍDIO
Rixa antiga teria motivado atentado contra “zóio de gato”
DOURADOS
Grupo é flagrado marcando lotes durante invasão de área pública