Menu
Busca domingo, 16 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Policiais retornam da Bolívia sem brasileiros presos

16 janeiro 2004 - 09h50

O delegado de Polícia Civil, Moura Fé, a delegada da PF, Penélope Gama e quatro agentes federais, retornaram da Bolívia na noite desta quinta-feira, após buscarem informações sobre a operação que prendeu os brasileiros Cledsoni Brinckler de Oliveira e Antônio Roberto Ramos (foto), ambos de 29 anos, e o boliviano Miguel Límpias Cabral, no último domingo. Eles são acusados de fazer parte de uma quadrilha que roubou três aviões e matou o empresário Luis Fernandes de Carvalho, 39 anos, na madrugada do dia 11. O trio foi preso em uma rodovia entre Concepcyon e San Ignácio de Velasco, ao fazer pouso de emergência com a aeronave PT-IAU, um dos aviões roubados. O delegado Moura Fé, disse que não foi possível trazer os dois brasileiros porque eles e o boliviano Miguel Límpias, foram presos em flagrante por associação ao narcotráfico, trocarem tiros com a Polícia no momento da prisão e invasão do espaço aéreo boliviano. O delegado ressaltou que a viagem foi muito proveitosa. “Nós trocamos informações com os colegas bolivianos e conversamos com os acusados, mas por enquanto não podemos dar maiores detalhes porque vamos prosseguir com as investigações”, disse. Sobre a devolução do avião roubado, Moura Fé adiantou que os proprietários terão que buscar os meios legais para trazê-lo de volta. Já a delegada da Polícia Federal, Penélope Gama, comentou que a extradição de Antônio Roberto Ramos e Cledsoni Brinckler vai depender do andamento processual, mas o governo brasileiro vai tomar as medidas cabíveis, de acordo com a legislação boliviana. “Por isso não podemos afirmar ao certo quanto tempo levará para os suspeitos serem extraditados”. A delegada também elogiou a forma como a equipe de policiais foi recebida. “Foi estabelecido um canal de comunicação excelente, porque nossa investigação é mais ampla, levando-se em conta os outros dois roubos de aviões registrados em Corumbá e Campo Grande. Precisamos saber exatamente como os ladrões agem e a mando de quem”, enfatizou a delegada. As Polícias Civil e Federal prosseguem agora com as investigações, em parceria com as autoridades bolivianas, para tentar localizar os demais integrantes da quadrilha e os outros aviões roubados.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASA DE LEIS
Sessões, CPI e capacitação de servidores são os destaques da semana na Alems
POLÍTICA
Alto escalão do governo terá desempenho avaliado a partir de abril
ESPORTES
Final de semana de medalhas para judô brasileiro
CUIDADOS
Com riscos a saúde humana, pragas urbanas podem ser evitadas
REGIÃO
Maconha que seria levada para o Ceará é apreendida em MS
CONTRABANDO
PRF apreende de 2 toneladas de agrotóxicos escondidos em carga de leite
SAÚDE
Cai para três número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil
CORUMBÁ
Escolas de samba realizam pré-desfile neste domingo
CAMPEÃO
Trio decide, Flamengo domina o Athletico-PR e conquista a Supercopa
DROGAS
Duas mulheres são presas por tráfico em ônibus que passava por Dourados

Mais Lidas

VILA SÃO BRÁS
Venezuelanos são flagrados consumindo maconha em bairro de Dourados
HARRISON DE FIGUEIREDO
Adolescente é detido e jovem é presa por tráfico, receptação e posse
DOURADOS
Dupla é presa por porte e posse ilegal de arma de fogo
FURTOS
Ladrões fazem “arrastão” e levam motos em Dourados