Menu
Busca domingo, 18 de agosto de 2019
(67) 9860-3221

Países do Mercosul querem ampliar uso de energia renovável

07 dezembro 2012 - 18h00

Ampliar o uso de energias renováveis é o objetivo dos países do Mercosul, segundo os representantes de setores públicos e privados de produção de energia que participaram hoje (7) do 1º Fórum Empresarial do Mercosul. De acordo com empresários e dirigentes públicos, os países do bloco têm potenciais inexplorados e capacidade de abastecimento para assegurar o desenvolvimento do continente, garantir a soberania e diversificar as fontes energéticas.

O presidente da Galvão Energia, Otávio Silveira, disse que o Brasil ainda tem um potencial de aproximadamente três vezes a produção nacional de energia eólica. Segundo ele, de 2002 a 2009, foram instalados no país geradores eólicos capazes de produzir 8 mil megawatts de potência. A energia térmica teve um aumento de 7 gigawatts de 2010 a 2012.

“Precisamos ter fontes sustentáveis e integrar as matrizes energéticas, avançando no caminho de uma matriz mais sustentável e independente de combustível fóssil”, disse Galvão. “A diversidade garante uma base de segurança, se uma falhar, temos mais opções”.

Na Argentina, há um plano para ampliação do uso de matrizes energéticas mais sustentáveis. De acordo com secretário de Energia do Ministério do Planejamento argentino, Daniel Cameron, o país pretende sair de 2% de energia proveniente de matrizes renováveis no país para 10% até 2030.

Os combustíveis fósseis, no entanto, ainda têm grande destaque na região. Com o ingresso da Venezuela, cuja adesão ao bloco foi promulgada hoje (7), o Mercosul consolida-se como uma das principais potências energéticas mundiais, com 19,6% das reservas mundiais provadas de petróleo do mundo, 3,1% das reservas de gás natural e 16% das reservas de gás recuperáveis de xisto.

Com a Venezuela, o Mercosul torna-se o detentor da maior reserva de petróleo do mundo, com mais de 310 bilhões de barris de petróleo em reservas certificadas pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). Das reservas, 92,7% estão na Venezuela.

O Brasil tenderá a ampliar sua participação nas reservas de petróleo do bloco à medida que os trabalhos de certificação das reservas do pré-sal brasileiro progridam.

O Mercosul é formado por Brasil, Argentina, Uruguai, Venezuela e Paraguai - que está suspenso do bloco até abril de 2013. Chile, Equador, Colômbia, Peru e Bolívia estão no grupo como países associados. Há, ainda, como membros observadores, México e Nova Zelândia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INTERNACIONAL
Ministro da Fazenda da Argentina deixa cargo
ESPORTES
Seleção Sub-17: convocados para amistosos na Inglaterra em setembro
MS
Veículo pega fogo e fica totalmente destruído em acidente, na MS-276
MS
Motorista embriagado abandona carro no meio da rua com celular e pistola dentro
CULTURA
III Festival da Canção da UEMS será neste domingo em Dourados
BRASIL
Maior rendimento do FGTS exige atenção na hora do saque
CAMPO GRANDE
Motociclista morre após avançar via preferencial
MS
“Operação Divisa Segura VII” prende foragido da polícia
MS
Criminoso foge e polícia apreende carro “recheado” de maconha
POLÍTICA
Morre, aos 96 anos, o ex-ministro Roberto Herbster Gusmão

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente com morte pode ter ocorrido após motociclista ser fechado por carro
BR-163
Passageira morre após homem colidir moto contra placa de sinalização em Dourados
DOURADOS
Homem fica ferido após estouro de equipamento na Cabeceira Alegre
POLÍTICA
PSL lança nome para Prefeitura de Dourados e senadora descarta aliança com tucanos