Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Mulheres de militares protestam em Brasília

06 março 2005 - 13h29

Uma manifestação de cerca de 150 esposas de militares das três forças armadas marcou na manhã de hoje a cerimônia de troca da Bandeira Nacional, na Praça dos Três Poderes. Com faixas e cartazes, elas exigiam "o reajuste salarial de 23% prometido desde o ano passado pelo governo", conforme explicou a líder do protesto, Ester Araújo. Ao final da solenidade, o vice-presidente da República e ministro da Defesa, José Alencar, fez questão de conversar com o grupo de mulheres da manifestação. Ele informou que o governo examinará as reivindicações "com total apreço, como se fôssemos uma parte diretamente envolvida". Com relação à disponibilidade de recursos para o possível reajuste de 23%, José Alencar salientou que "o problema orçamentário não depende apenas do Ministério da Defesa". De acordo com Ester Araújo, o ato de hoje foi "uma manifestação de presença, para mostrar que nós estamos atentas e também pedir aos deputados federais para que votem a Medida Provisória 2215, que está engavetada desde o ano 2000, e que diz respeito ao retorno do auxílio-moradia".

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRATAMENTO
Servidor é indiciado por furtar computadores com projetos da Seinfra
CORONAVÍRUS
Brasil fiscaliza entrada de passageiros de 7 países da Ásia
ECONOMIA
Dólar tem leve alta nesta sexta e renova patamar recorde de fechamento
CAMPO GRANDE
Juíza busca parceria para ampliação do Família Acolhedora
DÁ TEMPO
Ainda não decidiu para onde ir no Carnaval? MS tem opção para todos os gostos
CIRCUITO DE SEGURANÇA
Polícia divulga imagens de penitenciária da fronteira em noite de 'fuga em massa'
BRASIL
Corpo do ex-PM Adriano é liberado para sepultamento após segundo exame
IMUNIZAÇÃO
Campanha de vacinação contra o sarampo segue até março
INTERIOR
Após perseguição, traficante abandona carro com 850kg de maconha em matagal
SEGURANÇA PÚBLICA
PM inicia operações para inibir crimes durante Carnaval em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia