Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
BRASIL

Ministro Barroso, do STF, abre inquérito para investigar Temer e Loures

12 setembro 2017 - 16h05

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso decidiu hoje (12) abrir inquérito para investigar o presidente Michel Temer e o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures, além de mais dois empresários, pelos supostos crimes de corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro.

O pedido de abertura de investigação foi feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, para apurar suspeitas de recebimento de vantagens indevidas dos envolvidos pelo suposto favorecimento da empresa Rodrimar S/A por meio da edição do Decreto dos Portos (Decreto 9.048/2017).

O pedido de abertura do inquérito chegou ao Supremo em junho e foi remetido ao ministro Edson Fachin. Ao receber o processo, o ministro entendeu que o caso deveria ser redistribuído a outro integrante da Corte por não ter conexão com o inquérito que envolve Temer a partir das delações da JBS.

Nesta semana, a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, determinou uma nova distribuição e Barroso foi escolhido o novo relator.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
MS renova compromisso pelo fim do sub-registro e acesso à documentos
CAPITAL
Polícia divulga WhatsApp para denúncias sobre carro usado em sequestro
ARTICULAÇÕES
Planalto tira Carla Zambelli e bolsonaristas de vice-liderança na Câmara
ACIDENTE
Piloto de avião que caiu em Camapuã é transferido de UTI aérea para SP
CAARAPÓ
Mulher encontrada morta é identificada e perícia descarta feminicídio
JUDICIÁRIO
TJ/MS prorroga suspensão de prazos de processos físicos até 30 de outubro
FURTOS
Após fugir da Unei, ‘homem-aranha’ douradense é capturado na Jaguapiru
MARACAJU
Homem encontrado morto na beira de estrada pode ter sido vítima de latrocínio
BRASIL
STF autoriza estados a criar e explorar jogos lotéricos
MATO GROSSO DO SUL
Governo deposita salários de servidores nesta quinta-feira

Mais Lidas

REGIÃO
Homem que disse ter encontrado mulher morta volta atrás e confessa feminicídio
LAGUNA CARAPÃ
Homem sente falta de esposa, vai procurar e a encontra morta em poço
DOURADOS
Disputa pela prefeitura tem dois milionários e total de bens chega a R$ 13 milhões
CAPITAN BADO
Ataque de pistoleiros a veículo deixa dois mortos na fronteira