Menu
Busca segunda, 22 de julho de 2019
(67) 9860-3221
INTERNACIONAL

Militar da Aeronáutica é preso com drogas em aeroporto na Espanha

26 junho 2019 - 11h45Por G1

Um militar da Aeronáutica brasileira foi detido na terça-feira (25) no aeroporto de Sevilha, na Espanha, por transportar drogas em sua bagagem. O Ministério da Defesa e o presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmaram a apreensão. O avião fez uma escala em Sevilha e, segundo a agência France Presse, ele levava 39 kg de cocaína divididos em 37 pacotes.

Ele estava em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), segundo a Guarda Civil espanhola.

"Em sua mala, havia apenas drogas", afirmou uma porta-voz da força policial em Sevilha. O militar se apresentou ante um tribunal nesta quarta-feira (26), acusado de cometer delito contra a saúde pública, uma categoria que inclui o tráfico de drogas na Espanha.

Em nota à imprensa, o Ministério da Defesa afirmou que o caso está sendo investigado: "Os fatos estão sendo apurados e foi determinada a instauração do Inquérito Policial Militar (IPM)".

Investigação

O presidente Jair Bolsonaro faria escala no mesmo aeroporto de Sevilha na viagem rumo ao Japão, para participar de reunião de cúpula do grupo das 20 maiores economias do mundo (G20). Entretanto, a escala foi alterada para Lisboa e não há informações sobre os motivos da mudança. O voo presidencial decolou na terça-feira à noite para Osaka.

No Twitter, o presidente Jair Bolsonaro comentou o caso dizendo que os militares são pessoas formadas "nos mais íntegros princípios da ética e da moralidade" e que "caso seja comprovado o envolvimento do militar nesse crime, o mesmo será julgado e condenado na forma da lei".

O presidente declara, ainda, ter determinado ao ministro da Defesa, o general do Exército Fernando Azevedo e Silva, a "imediata colaboração com a Polícia Espanhola na pronta elucidação dos fatos, cooperando em todas as fases da investigação, bem como instauração de inquérito policial militar".

O comunicado do Ministério da Defesa afirma também que: "O Ministério da Defesa e o Comando da Aeronáutica repudiam atos dessa natureza e darão prioridade para elucidação do caso, aplicação dos regulamentos cabíveis, bem como colaboram com as autoridades."

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU
Casal de goianos é preso em flagrante com 15 quilos de Skank na MS-164
AEROPORTO
Governador da Bahia diz que não irá a evento com Bolsonaro
CORUMBÁ
Homem armado é preso por importunar meninas e agredir mulher
ECONOMIA
Governo estuda liberar neste ano até R$ 500 por conta do FGTS
DESCAMINHO
Polícia apreende mais de 3.400 unidades de bebidas sem documentação
COPA DO BRASIL
Athletico e Internacional fazem último jogo em casa
DOURADOS
Homem sofre tentativa de homicídio ao ser baleado nas costas
POLÍTICA
Governador Azambuja recebe embaixador do Reino da Tailândia no Brasil
ACIDENTE
Após sofrer acidente no Paraguai, jovem morre em hospital na Capital
MEDALHA DE OURO
Judoca de MS conquista ouro no Pan-Americano e garante vaga no Mundial

Mais Lidas

DOURADOS
Homem morre após bater moto em carro parado na Marcelino Pires
AMAMBAI
Morto a tiros em frente a conveniência era 'braço direito' de Jarvis Pavão
RIBAS DO RIO PARDO
Avô e neta morrem após caminhonete bater de frente em carreta
CAPITAL
Acidente entre dois carros e carreta mata motorista na BR-163