Menu
Busca domingo, 15 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Ministro da Justiça diz que decisões do Supremo valem como lei

18 dezembro 2012 - 14h17

Em meio à polêmica sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de decretar a perda de mandatos dos parlamentares condenados na Ação Penal 470, o chamado processo do mensalão, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse hoje (18) que as decisões da Corte valem como lei.

“As decisões do Supremo, desde que transitadas em julgado, diz a Constituição, valem como lei e deverão ser cumpridas, independentemente da avaliação que as pessoas possam subjetivamente fazer sobre elas”, disse o ministro após balanço do Plano Estratégico de Fronteiras, feito esta manhã no gabinete do vice-presidente da República, Michel Temer.

Ontem (17), o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), classificou de “ingerência” no Parlamento a decisão do Supremo sobre a perda imediata de mandato dos deputados João Paulo Cunha (PT-SP), Valdemar Costa Neto (PR-SP) e Pedro Henry (PP-MT), condenados no processo.

Para o petista, a decisão do STF fere a Constituição. No entanto, ponderou que, até a publicação do acórdão, há tempo para uma solução. “A decisão tomada pelo STF, na minha avaliação, contraria o que diz a Constituição e tira uma prerrogativa da Câmara. Como a medida tomada não é imediata, há um período ainda de recursos e debates sobre o tema. Neste período, poderá haver mudanças de opinião e no posicionamento de alguns ministros do Supremo”, disse Maia ontem.

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), defende que até a publicação do acórdão também haverá um consenso sobre o destino dos deputados condenados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Celular roubado no ano passado é recuperado próximo a Ceim
BARBÁRIE
Mulher é morta a facadas em Amambai
REGIÃO DO PANTANAL
Vacinação contra febre aftosa termina nos próximos dias
ÉÉÉ CAMPEÃOOO
França bate Croácia e fica com o bi mundial
SAÚDE
Saiba como se prevenir contra as doenças do inverno
UFGD
Inscrições de trabalho para Encontro de pesquisadores terminam hoje
CAMPO GRANDE
Motorista embriagado é preso ao se envolver em acidente com morte
INVERNO
MS deve ter mais um período "gelado" em julho
DOURADOS
Homem tem moto furtada ao estacionar na frente da própria casa
MS-156
Rapaz morre após ser atropelado duas vezes em rodovia

Mais Lidas

VILA SÃO FRACISCO
Dupla é presa por tentativa de arrombamento de caixa eletrônico
NOVA ANDRADINA
Advogada morre após veículo que dirigia cair em uma ribanceira
RESIDENCIAL BONANZA
Homem atropela casal em Dourados após ser contrariado
DOURADOS
Homem é atropelado após “roletar” avenida com bicicleta motorizada