Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Menina de cinco anos é suspeita de afogar bebê que 'chorava muito'

10 junho 2011 - 18h48

Uma menina de cinco anos é suspeita de afogar um bebê de 18 meses para fazê-lo se calar, em Kansas, nos Estados Unidos.

Segundo um porta-voz da polícia local, o garoto Jermane Johnson Jr e outras crianças haviam sido deixados sob a responsabilidade de uma adolescente na sexta-feira passada.

A jovem, entretanto, uma menina de 16 anos que supostamente tem problemas mentais, caiu no sono e deixou as crianças fora de observação.

Em depoimentos das crianças recolhidos por policiais especialmente treinados, uma menina de cinco anos disse que 'não estava gostando' de Jermane porque ele 'chorava e fazia muito barulho', dando a entender, ainda, que havia provocado o afogamento do garoto.

O caso chocou os oficiais do juizado de menores de Jackson County, em Kansas City.

'Em 26 anos neste trabalho, nunca vi algo assim', disse ao jornal 'The Kansas City Star' a especialista que trabalha no juizado, Mary Marquez.

Segundo o jornal, só nos últimos cinco anos o FBI, a polícia federal americana, passou a registrar homicídios cometidos por crianças entre cinco e oito anos. Apenas três casos figuram da lista.

Oficialmente, a polícia ainda aguarda o relatório médico completo sobre a morte de Jermane para enquadrar o caso como homicídio.

Especialistas ouvidos pelo 'Kansas City Star' opinaram que será muito difícil provar a intenção de matar, porque crianças de cinco anos ainda estão longe de desenvolver o senso de responsabilidade.

A polícia também está investigando a decisão do adulto de deixar a adolescente com a responsabilidade de cuidar das crianças.

Fonte: BBC

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar termina a semana em alta, de olho em projeções sobre juros nos EUA
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Ex-prefeito terá que devolver dinheiro pago em licitação sem nota fiscal
JUSTIÇA
Desembargadores mantêm regime semiaberto para motorista embriagado
ARTIGO
Como transformar uma casa em lar
BRASIL
Montezano: prioridade é abrir caixa-preta do BNDES
ESTATAL
Após fechar agências em MS, Correios renova frota de furgões
INVESTIGAÇÕES
Preso no RJ, suspeito de planejar morte de “chefão da fronteira” é acusado de lavagem de dinheiro em MS
ESTÉTICA
Conheça um pouco mais sobre o Microagulhamento
POLÍTICA
“A gente precisa mendigar apoio”, diz vereador sobre falta de representatividade em Brasília
PEDESTRIANISMO
‘9ª Corrida Saúde Cassems-Noturna’ abre inscrições na próxima segunda-feira

Mais Lidas

FRONTEIRA
Pistoleiros são presos após executarem homem a tiros
DOURADOS
Delegado encerra Inquérito e aguarda perícia para saber se tiro que matou bioquímico foi acidental
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
FRONTEIRA
Suspeito de ter matado homem encontrado boiando em rio é preso